fbpx

EUA anunciam proibição à entrada de viajantes saindo do Brasil por causa do coronavírus

Notícias

Por Gabriel Marinho

Depois de o presidente norte-americano Donald Trump insinuar banir voos vindos do Brasil no começo dessa semana, a Casa Branca anunciou hoje que os EUA irão barrar a entrada de pessoas vindas do Brasil por causa da pandemia de coronavírus.

A Casa Branca anunciou hoje (24) que o presidente Trump assinou uma medida que suspende a entrada de cidadãos não americanos que estiveram no Brasil nos últimos 14 dias, em um esforço para impedir a propagação do coronavírus. A entrada passa a ser efetiva às 23h59 ET, em 28 de maio de 2020. A medida não se aplica a pessoas a bordo de um voo programado para chegar aos Estados Unidos que partiram antes das 23h59 ET  do dia 28 de maio de 2020.

Hoje, o presidente tomou uma ação decisiva para proteger nosso país, suspendendo a entrada de estrangeiros que estiveram no Brasil durante o período de 14 dias antes de buscar a entrada nos Estados Unidos. Em 23 de maio de 2020, o Brasil tinha 310.087 casos confirmados de COVID-19, que é o terceiro maior número de casos confirmados no mundo. A ação de hoje ajudará a garantir que os estrangeiros que estiveram no Brasil não se tornem uma fonte de infecções adicionais em nosso país. Essas novas restrições não se aplicam ao fluxo de comércio entre os Estados Unidos e o Brasil”, disse a secretária de imprensa da Casa Branca, Kayleigh McEnany.

A restrição não será aplicada a pessoas que residam nos Estados Unidos ou sejam casadas com um cidadão americano ou que tenha residência permanente no país, ou seja filho ou irmão destes, desde que tenha menos de 21 anos.

Membros de tripulações de companhias aéreas ou pessoas que ingressem no país a convite do governo dos EUA também estão isentas da proibição.

Para ler o comunicado na íntegra em inglês, acesse o site da Casa Branca.

Os comentários estão desativados.

Baixe o app Passageiro de Primeira

google-play
app-store

O maior portal de Programas de Fidelidade do Brasil.
Tudo sobre milhas e pontos, avaliação de voos, salas VIP, hotéis, cartão de crédito e promoções.