fbpx

Governo português suspende voos entre Portugal e Brasil

Notícias

Por Equipe | Passageiro de Primeira

O governo português proibiu os voos entre o país e o Brasil, devido à variante de COVID-19 encontrada aqui. A suspensão passa a valer a partir desta sexta-feira (29) e se estenderá até o dia 14 de fevereiro, podendo ou não sofrer ajustes.


Variante da COVID-19 no Brasil

Todos os vírus, inclusive o causador da COVID-19, sofrem mutação. Essas mudanças genéticas acontecem à medida que o vírus faz novas cópias de si mesmo para se espalhar. Essa variante foi encontrada em quatro turistas japoneses que visitaram a região do Amazonas. Esses turistas apresentaram uma variante semelhante às que se disseminaram rapidamente no Reino Unido e na África do Sul e que preocupam pela maior capacidade de contágio.

Segundo a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) na Amazônia, as amostras detectadas podem ter evoluído de uma linhagem viral que circula na região desde abril do ano passado. As sequências genéticas vistas nas amostras têm um número incomum de alterações, além daquelas na proteína S – que forma a coroa do vírus –, que se assemelham ao padrão observado em linhagens do Reino Unido e da África do Sul.

Vale lembrar que, devido aos casos com os turistas japoneses, voos entre Portugal e o Reino Unido também haviam sido suspensos, por conta da forte ligação que o país lusitano tem com o Brasil.


Voos permitidos

Os voos que estão permitidos são apenas os de repatriação e humanitários. Ainda assim, os viajantes precisarão exibir um resultado negativo de teste de COVID-19 que tenha sido feito 72 horas antes do embarque e precisarão fazer quarentena de 14 dias ao chegar a Portugal.

O Ministério do Interior disse que nos voos de caráter humanitário está liberado o embarque de cidadãos da União Europeia e do Espaço Schengen (grupo de 26 países europeus, sendo que alguns deles não são da União Europeia), desde que sigam os mesmos protocolos para poder ingressar no país.

Assim como na regra criada para voos entre Portugal e Reino Unido, o transporte de mercadorias e produtos essenciais entre Portugal e Brasil será mantida com uma permissão especial.


COVID-19 em Portugal

Desde o começo da pandemia, Portugal registrou cerca de 669 mil casos. Desses, quase 173 mil estão ativos. A situação nos hospitais também é crítica, com quase 7 mil pessoas internadas com o vírus, sendo que 783 pacientes com covid estão internados em unidades de terapia intensiva.

Segundo publicado pelo G1, o Parlamento deverá votar uma prorrogação de 15 dias do estado de emergência. Todas as medidas de confinamento devem ser prolongadas.


Vale lembrar que o governo brasileiro também suspendeu voos vindos da África do Sul por conta de uma variante do vírus encontrada no país e que pode afetar, em parte, a eficácia das vacinas atuais.

Baixe o app Passageiro de Primeira

google-play
app-store

O maior portal de Programas de Fidelidade do Brasil.
Tudo sobre milhas e pontos, avaliação de voos, salas VIP, hotéis, cartão de crédito e promoções.