fbpx

Quem lembra? A primeira Sala VIP Mastercard Black do aeroporto de Guarulhos

Notícias

Por Fábio Vilela

E aíííí gente! Tudo bem com vocês? Ontem estava conversando com um amigo meu recordando meu bom passado de viagens e acabei lembrando da primeira sala Mastercard Black que teve no Brasil no aeroporto de Guarulhos. Já tenho diversos reviews dela no site, então só vou fazer um “revival” de como era o ambiente para quem não teve a oportunidade de conhecer.

Primeiro fato curioso era sua localização – a sala ficava dentro de outra sala – sim, você não leu errado. O lounge ficava no segundo andar do atual Terminal 2 de GRU (que tinha a ala internacional), dentro da sala VIP da Delta/ProAir (veja um review desta outra sala aqui)

Só para vocês terem uma idéia melhor onde é hoje em dia: sabe onde fica a escada rolante pra acessar a Sala VIP doméstica da GOL e Bradesco? Então, assim que acaba a escada rolante na parte superior, a sala estava à sua esquerda – hoje coberta com um tapume.

Conforme falei, você precisava entrar na sala da Delta/ProAir e avisar na recepção que iria pra sala do MC Black – teoricamente ninguém verificava sua elegibilidade para adentar esta “primeira” sala – ficava na base da confiança do discurso do cidadão. Depois você atravessava o lounge até no fundo e se deparava com esta porta preta com o símbolo da bandeira.

Lá tinha uma recepcionista que liberava sua entrada – na época podia levar 1 acompanhante e crianças até 2 anos sem custo.

Não reparem a qualidade das fotos, afinal já se passaram mais de 8 anos. Na sala (minúscula por sinal) tinha TV, um sofá e algumas poltronas e uma mesa balcão. Ao lado esquerdo ficava o business center, e do lado oposto a recepção.

Os banheiros ficavam logo atrás do buffet e eram de uso individuais. Se alguém fizesse o número 2 ali era bem complicado uma vez que a sala era pequena.

Aqui dá para se ter uma noção geral da vista do buffet e o bar – no modelo self-service.

Aliás, o buffet era bem modesto. Na parte de snacks apenas alguns frios, sanduíches, saladas, torradas e frutas.

Na parte debaixo do balcão ficavam bebidas sem alcool como refrigerante, agua, suco, etc.

No lado direito da saída do banheiro, tinha estas 3 chaises para voce descansar com mais conforto um pouco.

O business center contava com 3 laptops da HP e uma multifuncional que fica no lado contrário.

O que era mais curioso era que no início da operação desta sala, ela quase não ficava cheia. Por exemplo, neste dia e neste horário eu era o único passageiro. A capacidade era no máximo de umas 25 pessoas – sentadas confortavelmente.


A evolução da Mastercard no aeroporto de Guarulhos

Esta sala logo ficou pequena, então a Mastercard inaugurou outra maior (também no T2) e passou a proibir a entrada de acompanhantes. Confira neste review aqui.

sala vip mastercard black guarulhos

E por fim, com a inauguração do T3, a sala do T2 foi fechada e a bandeira de cartão abriu mais 2 salas para comportar a quantidade de clientes.

Mastercard Black GRU (T3) – review aqui.

sala-vip-mastercard-black-gru-03-e1440411978897

Lounge Mastercard Black GRU (T3) – review aqui.


Comentário

O que mais me motivou pra fazer este post foram as dúvidas que acabaram surgindo nesta conversa que eu estava tendo com um amigo. Ao rever minhas fotos de reviews passados com a sala MC Black quase sempre vazia, me peguei pensando: será que o Mastercard Black naquela época era bem mais exclusivo pra conseguir, o número de viagens para o exterior era menor, os clientes não sabiam da existência da sala ou as pessoas não se importavam com sala VIP na hora de viajar? Qual a opinião de vocês?

Aliás, quem também teve a chance de conhecer todas estas salas MC ? Tem alguma história pra contar?

Baixe o app Passageiro de Primeira

google-play
app-store

O maior portal de Programas de Fidelidade do Brasil.
Tudo sobre milhas e pontos, avaliação de voos, salas VIP, hotéis, cartão de crédito e promoções.