fbpx

Obtendo o Thailand Pass para viajar para a Tailândia – Leitor de Primeira

Leitor de Primeira

Por Equipe | Passageiro de Primeira

Hoje no quadro #LeitorDePrimeira vamos compartilhar o excelente relato do nosso leitor Júlio, mostrando como obter o Thailand Pass e os procedimentos para viajar à Tailândia durante a pandemia.

Leitor de Primeira Nova York Ultra


Relato de Primeira

Oi pessoal do PP, espero que estejam todos bem.

Diante de toda a dificuldade em viagem durante esse período conturbado, resolvi escrever este relato, pois acredito que possa ajudar muitos leitores que estão com dúvidas de como se preparar para ir à Tailândia.

Desde 1º de novembro deste ano, brasileiros podem ir ao país desde que estejam completamente vacinados, e fiquem um período de 7 dias na província em que desembarcar. O programa que nos enquadramos se chama “Living in The Blue Zone”.

Leitor Primeira Thailand Pass

Então o primeiro passo seria escolher seu destino que atualmente pode ser para 17 províncias, incluindo Bangkok, Phuket, Krabi e Koh Samui dentre outras.

Mas, fique atento a emissão de sua passagem. Caso escolha Phuket, seu voo deve ser direto para lá. Passageiros ainda não estão permitidos a fazer conexão em Bangkok para outros destinos. Com exceção de Koh Samui, mas para ir a Samui sua passagem para lá não pode ser emitida separada. Uma emissão de Emirates, por exemplo, e outra emissão de Bangkok Air. Tem que ser um bilhete só. A Emirates possui code-share com a Bangkok Air, o que permite que faça a emissão para Koh Samui como seu último destino. Mas isso não se aplica a voos emitidos com milhas/pontos.

Após emitir seus voos chegamos a parte da hospedagem. O viajante deve escolher um hotel que tenha o selo SHA+. Essa é uma das partes mais importantes, se você optar por chegar em Bangkok tem que fechar um pacote completo, que ofereça os seguintes itens:

  • Traslado do aeroporto para o hotel
  • Um teste RT-PCR, que será realizado antes de chegar ao hotel selecionado.
  • Um teste antígeno ATK, que será realizado no dia 6 ou 7. Isso vai variar conforme o horário da sua chegada.

Então o que aconselho é fechar sua hospedagem direto com o hotel, pois em sites de busca eles não oferecem estes serviços. E para aplicar o Thailand Pass, que vou explicar daqui a pouco, você precisa que o hotel envie uma confirmação de que sua reserva foi paga. A Tailândia já é um país relativamente barato de se viajar, mas agora pode-se aproveitar hotéis de luxo a um preço BEM inferior aos de pré pandemia.

Você também vai precisar de um seguro de viagem que tenho uma cobertura para COVID-19 de no mínimo US$ 50.000,00. Diante tantos relatos nas redes sociais de outros viajantes, eu optei por fechar com uma seguradora da Tailândia, e acredito que isso facilite a emissão do seu Thailand Pass. Eu comprei com a AXA, custou por volta de R$ 290,00 para o período de 14 dias.

Com isso em mãos, você já está apto a solicitar o Thailand Pass, como se fosse um visto eletrônico que estão utilizando. O processo do Thailand Pass é todo on-line. Você deve ter os seguintes documentos salvos em JPG ou JPEG. Não podem ser em PDF e devem ter menos de 5MB:

  • Foto do passaporte, apenas a página que contém sua foto e dados.
  • Certificado de vacina, emitido pelo Conecte Sus e na versão em inglês.
  • A confirmação do hotel SHA+ por 7 noites e incluindo os testes e traslados.
  • Seguro viagem com a cobertura exigida de US$ 50.000,00.

Para aplicar para o Thailand Pass, basta acessar este link.

A página é em inglês. Você deve aplicar com pelo menos 7 dias úteis antes da data da sua viagem. A principal dica é utilizar um Gmail, eles não aceitam “outlook.com” ou “hotmail.com”. Achei o processo bem simples, apliquei às 08:30 da manhã e recebi meu QR code às 09:55. Em alguns grupos de redes sociais, vejo várias pessoas desesperadas e tentando aplicar múltiplas vezes. Não faça isso, você pode acompanhar o status da sua aplicação no próprio site ou através dos contatos disponibilizados. Depois que receber seu QR Code já está apto a viajar.

Antes da viagem, você deve fazer um teste RT-PCR com 72 horas de antecedência ao seu horário de embarque. Apresentar o QR Code e demais documentos, leve tudo impresso para facilitar e agilizar o processo.

Bom, embarco em duas semanas e após chegar conto mais detalhes de como foi o processo de imigração, etc. Espero ter ajudado viajantes, que como eu, amam esse destino fantástico.


Comentário 

Obrigado por compartilhar este relato conosco, Júlio!

Te agradecemos especialmente por todas as dicas, como a necessidade de usar uma conta Gmail ou possuir um itinerário aéreo único! São estes pequenos detalhes que evitam muita dor de cabeça e fazem toda a diferença na hora da viagem, bravo!! 👏

Não deixe de compartilhar conosco todos os detalhes desta viagem!


☞ confira os últimos relatos publicados:

Se você quer ter sua história aqui, siga as instruções deste post.

Hotéis com Desconto + Selos
Hotéis com Desconto + Selos
5% de desconto + selos no Rewards em estadias até 30 de abril de 2022!
Hotéis com Desconto
Hotéis com Desconto
8% de desconto em estadias até 31 de março de 2022!
Seguro Viagem com Desconto
Seguro Viagem com Desconto
75% de desconto no seu Seguro Viagem!
Viagem com Desconto
Viagem com Desconto
20% de desconto em passagens, hotéis, carros e pacotes!
Clube de Milhas
Clube de Milhas
Receba 1.000 milhas por mês + 7.000 milhas bônus na hora!
Compras com Desconto
Compras com Desconto
5% de desconto em itens vendidos e entregues pelo Magalu!
Ver todos os cupons

Baixe o app Passageiro de Primeira

google-play
app-store

10 anos! O maior portal de Programas de Fidelidade do Brasil.
Tudo sobre milhas e pontos, avaliação de voos, salas VIP, hotéis, cartão de crédito e promoções.