fbpx

Emitindo passagens em Executiva para assistir a Copa do Mundo de 2022 – Leitor de Primeira

Leitor de Primeira Notícias

Por Equipe

Hoje no quadro #LeitorDePrimeira vamos compartilhar mais um relato do nosso leitor Michel, que emitiu bilhetes em Classe Executiva para assistir a Copa do Mundo de 2022, in loco, no Catar!

Leitor de Primeira Nova York Ultra


Relato de Primeira

Gostaria de deixar aqui o meu relato da emissão que fiz para assistir a Copa do mundo no fim desse ano no Catar.

Vocês irão perceber que não foi por acaso, mas sim o resultado de um plano que vem sendo construído desde 2020, que foi muito pensado e estudado, com Plano A, B, C e D. Tanto que meu plano A não deu certo, mas como havia levado em consideração que contratempos poderiam ocorrer já fui me precavendo.

A ideia inicial era ir em família, eu, minha esposa, minha sogra e meu filho de 3 anos, sendo assim, eu precisaria então conseguir pontos suficientes para 4 passageiros, em executiva, ida e volta, ou seja, uma tarefa nada fácil e quase impossível. Para isso, desde 2020, bolei diversos planos e alternativas para conseguir as emissões necessárias, tanto que meu plano A não deu certo, mas como havia levado em consideração que contratempos poderiam ocorrer já fui me precavendo.

Como os anos de 2020 e 2021 foram bem generosos com promoções de compra de pontos com 50% de desconto na Livelo, e com promoções excelentes para transferir, com bônus, para o TAP Miles&Go (até 120% de bônus além das Bumerangue de 40%, bonificando 133%) e Bumerangue com 45% para o LATAM Pass (que bonificava em torno de 166%), fui aproveitando as oportunidades de acordo com meu orçamento e comecei a fazer meus “investimentos”.

Vale lembrar também, que fui aproveitando as promoções da Livelo com bonificações em compras com as grandes lojas do Brasil, Netshoes, Magalu, Centauro etc. Além dos acúmulos mensais de pontos gerados pelos nossos cartões que tenho, que são: Amex TPC e o Elo Nanquin Dinners Club.

Parti da premissa de gastar com a compra de pontos o mesmo valor que gastaria em passagens pagantes em econômica, ou seja, uma média de R$5.000,00 por passageiro. 

Bom, uma vez dito sobre as formas de acúmulo de pontos, vamos aos planos que eu fiz.

Plano de emissões:

  • Plano A: emissão pelo LATAM Pass, para voar com a Executiva da Qatar Airways, a melhor executiva do mundo, zero de taxa de combustível, taxas de embarques baixa e 240.000 pontos por passageiro, com custo médio do milheiro em R$15,50 + taxas, o custo por passageiro seria em torno de R$4.000,00.
  • Plano B: emissão pelo TAP Miles&Go, para voar nas executivas da Star Alliance (Lufthansa, Turkish, Ethiopian, Air Canada) chegando a Doha, com escalas, algumas com taxa de combustível, taxas de embarque relativamente baratas e 260.000 pontos por passageiro, com custo médio do milheiro em R$16,50 + taxas, o custo por passageiro variava de R$4.900,00 (Ethiopian) e R$7.500,00 (Turkish, devido a taxa de combustível).
  • Plano C: unir os dois programas acima.
  • Plano D: era a Smiles, mas depois do final da parceria com a Qatar, acabei abortando o plano.

Por mais que meu plano A fosse emitir com o LATAM Pass, preferi dar foco no TAP Miles&Go, tendo em vista que a LATAM frequentemente lança promoções com 70% de desconto na compra direta de pontos, ou seja, a R$21,00 o milheiro, e a TAP não.

Então, entre compras, acúmulos, transferências, bonificações, e emissões para outros destinos, chegamos em novembro 2021 com um saldo de 990.000 milhas no Miles&Go, 251.000 pontos no LATAM Pass, e já começava a aparecer disponibilidades de voos para o início de novembro de 2022. Como não havíamos conseguido saldo suficiente nos dois programas resolvemos esperar as promoções da Black Friday para aproveitar as promoções.

Contudo, durante o período em que estávamos nos planejando para viajar, recebi uma notícia maravilhosa, que mudou drasticamente todos os nossos planos e nos fez refletir bastante sobre qual caminho seguir. Minha esposa descobriu que estava grávida do nosso segundo filho, com previsão de nascimento para julho de 2022, aí foi só alegria. Passado a euforia, pensamos: “E a copa?”. Como seria participar de uma Copa do Mundo com uma criança de três anos e um bebê de 4 meses de vida?

Eu e minha esposa somos bem desprendidos e a sogra iria para auxiliar, decidimos, então, seguir com o plano e partir para o Qatar. Porém, dias depois, ao ver sobre as regras para levar bebês (menor que 2 anos) em executivas, entendemos que seria muito arriscado e muita loucura, e poderíamos passar muitos perrengues com um recém-nascido no colo, então decidimos que não iríamos mais. Um balde de água fria, que seria compensado com a alegria de ter nosso pequeno.

Embarcar com crianças de colo é um empecilho extra nas classes executivas e as disponibilidades para irmos todos no mesmo voo são reduzidas. Além disso, o que mais pesou foi não ter fechado nossa hospedagem no Catar, nem ao menos tínhamos ideia de onde ficaríamos ou se conseguiríamos um hotel que seja, tendo em vista que o governo qatari bloqueou todos os hotéis da cidade para disponibilizar primeiramente às seleções, equipes técnicas, imprensa, VIPs e pagamentos dos pacotes hospitality (caríssimos por sinal). Só então, caso sobrasse seria disponibilidade para o público em geral, o que deve ocorrer somente em março/abril de 2022.

Passados uns dias, eu que sou brasileiro e não desisto nunca, em conversa com minha esposa, depois de muita negociação, combinamos que somente eu iria. Como já tinha mais pontos que o necessário para realizar somente minha emissão, comecei a fazer os monitoramentos de disponibilidade, focando ainda no Plano A.

Notei que havia assentos award pela Qatar para o final de outubro início de novembro de 2022 pelo LATAM Pass, porém após 12/11/2022 não aparecia mais nada, nem em econômica nem e executiva. Esperei mais alguns dias e nada, ia liberando datas de busca, mas sem disponibilidade.

Logo concluí o óbvio, a Qatar Airways não disponibilizaria, pelo menos nesse momento, bilhetes prêmio para época da copa, tendo em vista que será a maior demanda por assentos pagantes da história da companhia. Parti então para o plano B, utilizando os sites da United e Copa Airlines, para buscar disponibilidade nas companhias da Star Alliance e com a Emirates.

Quando comecei a procurar (no dia 17/12/2021) só estava disponível buscas até dia 13/11/2022 e cada dia que passava liberava o próximo dia, e assim sucessivamente. Eu entrava todo santo dia pela manhã, fazia inúmeras simulações, mas na época só achava disponibilidade com a Turkish e Egyptiair, com duração de até 46 horas, 2 escalas e altas taxas de combustível, ou seja, tudo muito fora de mão.

Por curiosidade, no dia 19/12 fui fazer uma simulação no próprio site da TAP, para a época e apareceu disponibilidade tanto em econômica quanto em executiva para Ethiopian nos dias 13 e 15/11/2022, e o melhor de tudo, poderia emitir online. Dei uma estudada e vi que a Ethiopian voa do Brasil para Addis Abeba aos domingos, terças e quintas, logo, deveria aparecer disponibilidade para os dias 17/11/2022 (quinta) e 20/11/2022 (domingo), nos dias subsequentes, fui então monitorando.

Na véspera de Natal, entrei pela amanhã no site da TAP, e notei que havia uma 1 vaga disponível em executiva e 3 em econômica para o dia 20/11/2022, no Trajeto GRU-ADD-DOH, com escala de 3 horas em Addis Abeba na Etiópia, não titubeei e prossegui com a minha emissão, foi tudo muito rápido e tranquilo, paguei com o Amex TPC, pois meses antes tive dificuldade em emitir pagando com o Elo Nanquin Dinners Club, e não quis arriscar.

Em menos de 5 minutos recebi a confirmação da compra por e-mail. A emissão custou 130 mil milhas + R$296,00 de taxas. Nos dias seguintes fui monitorando a volta, os voos partiam de Doha aos Sábados, Segundas e Quartas, como meus planos eram ficar no máximo 10 dias, no dia 03/01/2022 realizei minha emissão DOH-ADD-GRU, para o dia 30/11/2022 com escala de quase 2 horas em Addis Abeba, também pela Ethiopian em executiva, tudo muito simples, fácil e rápido pelo site da TAP, me custou a mesma quantidade de milhas (130 mil), e taxas pouco superior, em torno de R$316,00.

Resumindo, gastei 260 mil milhas no TAP Miles&Go + R$612 de taxas. Levando em consideração um custo médio de milheiro na TAP de R$16,50, me custou R$4.902,00 tudo – nada mal considerando a época e por ser em executiva.

Vale lembrar também que fiz duas emissões independentes, pois não quis esperar para comprar ida e volta juntos. E fiz certo, pois como a Ethiopian costuma liberar no máximo 2 assentos em executiva para bilhetes prêmios (e em questão de minutos as disponibilidades desapareciam), não poderei fazer stopover e as taxas acabaram subindo um pouco, mas como meu objetivo de fato é a Copa, então tá valendo.

Agora o negócio é ir atrás de hospedagem, mas acredito que só mais adiante vamos conseguir algo de concreto, devido ao bloqueio dos hotéis pelo Governo do Qatar. Depois de arrumar um hotel, vou ter de ir atrás dos ingressos avulsos, rezar para essa pandemia ter acabado de uma vez por todas e torcer para o Brasil não fazer feio na competição.

Michel


Comentário 

Obrigado por compartilhar este relato conosco, Michel!

Primeiramente gostaríamos de parabenizar pela notícia da gravidez da sua esposa! Sobre a emissão, vale destacar todo o seu planejamento e dedicação que, sem dúvidas, contribuíram muito para garantir essa viagem, ainda mais se formos analisar o período de Copa do Mundo, que tem uma alta procura.

Aproveite a viagem para assistir a Copa e vamos torcer para que Brasil possa se sagrar campeão!


☞ confira os últimos relatos publicados:

Se você quer ter sua história aqui, siga as instruções deste post.

Seguro Viagem
Seguro Viagem
4 pontos Livelo por real gasto + 25% de desconto!
Hotéis
Hotéis
5% de desconto + selos no Rewards em estadias até 31 de março de 2023!
Hotéis
Hotéis
8% de desconto em estadias até 31 de março de 2023!
Cartão Pão de Açúcar Itaú
Cartão Pão de Açúcar Itaú
Ganhe 1 ponto por R$ 1 gasto!
Gerencie suas Milhas
Gerencie suas Milhas
6 meses grátis do AwardWallet Plus para novos usuários!
Clube de Milhas
Clube de Milhas
Receba 1.000 milhas por mês + 7.000 milhas bônus na hora!
Ver todos os cupons

Baixe o app do Passageiro de Primeira

google-play
app-store

O maior portal de programas de fidelidade do Brasil.
Tudo sobre milhas e pontos, voos e salas VIP, hotéis e lazer, cartão de crédito e promoções.