fbpx

Resgates de Primeira – Passagem de Dar Es Salaam para Nova York em Classe Executiva com milhas do TAP Miles&Go

Programas de fidelidade Resgates de Primeira

Por Raimundo Junior

Como você vem acompanhando na série Resegates de Primeira, buscamos sempre mostrar bons resgates, especialmente em Classe Executiva e Primeira Classe, com ênfase para destinos em que os custos pagantes estejam elevados, de modo a trazer alto valor agregado ao uso de milhas. Por essa razão, o que temos no cardápio hoje é mais um bom resgate com o TAP Miles&Go, ligando a África à América do Norte, usando milhas e pontos. Assim, no cardápio de hoje, temos: Resgates de Primeira – Passagem de Dar Es Salaam para Nova York em Classe Executiva, com milhas TAP Miles&Go.

pular para…

  1. O Resgate de Primeira
  2. Quanto custa essa emissão?
  3. Como fazer essa emissão?
  4. Como otimizar essa emissão?
  5. Quais companhias posso voar?
  6. Fatores a considerar
  7. Comentário

O Resgate de Primeira

Rota: Dar Es Salaam – Dubai – Nova York
Programa(s): Miles&Go (TAP)

Para quem não vem acompanhando, nas primeiras duas fases da série Resgates de Primeira, mostramos ótimos resgates para voar em Classe Executiva para todos os continentes. Na terceira fase, mostramos Resgates de Primeira para voar em Primeira Classe, item cada da vez mais raro no mundo da aviação, especialmente para viajar utilizando milhas e pontos.

Nessa últimas, voltamos a mostrar o resgate de viagens em Classe Executiva que apresentem custo x benefício acima da média. Dentre esses bons voos, já mostramos como os torcedores brasileiros conseguirem chegar a Abu Dhabi, para assistir o Mundial de Clubes da FIFA, no próximo mês.

Nas duas últimas semanas, mostramos alternativas para chegar até Doha em Classe Executiva, para assistir a copa do Mundo do Mundo Fifa  Catar 2022, voando com Iberia + Royal Jordanian, na primeira sugestão e Emirates + Royal Jordanian, na segunda.

Hoje, vamos voltar a mostrar resgates avulsos, mas que sejam um bom uso de milhas e pontos. A escolha de hoje é o resgate que este editor usou no último mês de junho, para se deslocar da África para os Estado Unidos, qual seja: Dar Es Salaam para Nova York, com conexão em Dubai, voando na Classe Executiva da Emirates, com emissão feita no TAP Miles&Go.

Para quem não conhece a cidade onde se origina nossa viagem, Dar Es Saalam é a maior da Tanzânia, assim o principal centro comercial daquele país e de toda a África. Embora não seja a capital política – transferida para Dodoma, no princípio dos anos 70 – é a cidade mais conhecida do país da África Oriental.

Outra característica que acaba levando muitos visitantes a Dar Es Salaam, é o fato de ser uma importante ligação com a Ilha de Zanzibar, tanto por via aérea, quanto marítima, com linhas regulares de Ferry-boat que operam várias frequências diárias.

Como a Emirates não voa até Zanzibar, para quem resgate bilhetes award, fazer o trecho ZNZ-DAR de Ferry-boat é um opção conveniente. Fiz esse trecho pouco mais de seis meses atrás, e posso atestar que é rápido, seguro e confortável.

Para quem tenha como origem a ilha de Zanzibar e não abra mão de voar desde lá, a opção é fazer o resgate com outro parceiro do TAP Miles&Go, como a Ethiopian, já que não é possível mesclar Emirates com outros parceiros.

Para saber todas as regras envolvidas nessa emissão, recomendo a leitura do nosso guia completo do TAP Miles&Go.


Quanto custa essa emissão?

O detalhe dessa resgate, é que como parte da África Oriental, o resgate custa cerca de 10% a menos do que custaria, partindo da África Austral, a exemplo de Áfrico do Sul. Apesar da última mudança de tabela de emissão com parceiros (quando o programa da TAP ainda se chamava Victoria), em que houve um aumento considerável do custo para alguns destinos, conforme noticiamos aqui no PP, a rota África Central e Oriental – América do Norte e Caribe, manteve um ótimo patamar, cobrando apenas 115.000 milhas por trecho.

Com isso, é possível emitir passagens para da Tanzania (ou qualquer outro país enquadrado como África Ocidental, Central ou Oriental), para a América do Norte e Caribe, pagando apenas 115 mil milhas TAP Miles&Go por trecho.

Como no nosso caso, a sugestão é o resgate com a Emirates, temos dois voos em Classe Executiva, o primeiro, de Dar Es Salaam para Dubai, cuja aeronve escalada é o Boeing 777-300ER, e o segundo, que a depender do horário, vai permitir uma ótima experiência a bordo do icônico A380, no percurso DXB-JFK, que tem cerca de 14h de duração.


Como fazer essa emissão?

  • Encontrando disponibilidade

Para os resgates com a Emirates, lamentavelmente o acervo award da companhia árabe não está aparecendo nas pesquisas do ExpertFlyer, então as alternativas são realizar presquisas nos sites da Copa Airlines, GOL ou Qantas.

Para o resgate que hoje simulamos, fizemos as pesquisas no site do Qantas Frequent Flyer, da companhia australiana Qantas, que também é parceira bilateral da Emirates, assim como o TAP Miles&Go. Encontradas vagas award  no QFF (onde, inclusive, é possível resgatar online, acaso tivéssemos usando milhas daquele programa), temos a sinalização de que haverá disponibilidade para resgate pelo programa TAP Miles&Go.

  • Realizando a emissão

Como mencionamos, o primeiro passo é realizar a pesquisa em um dos programas parceiros que fazem resgate online do acervo da Emirates. Para hoje, optamos pelo Qantas Frequent Flyer, que acusou disponibilidade em ambos os trechos em Classe Executiva:

Lembre que esses valores mostrados nas imagens das pesquisas no Qantas Frequent Flyer, são apenas referenciais para a disponibilidade de vagas. Os valores cobrados no resgate no TAP Miles&Go são diversos: 115 mil milhas para os dois trechos, acrescido de taxas, que serão maiores, pois além do YQ também cobrado na QFF, incidirá mais 40 euros pelo resgate através do Call-Center.

Vale recordar que o Miles&Go permite conexões com duração máxima de 23:59h (layover). Saiba, também, que a Emirates só opera um voo diário para Dar Es Salaam, assim como apenas o voo EK 201, na rota sem escalas, entre DXB e JFK é operado no Airbus A380, de modo que se você pretender partir da capital Etíope e seguir para NYC no A380, só conseguira esse layover noturno, o que não é nada conveniente, em tempos de pandemia.

Em tempos normais, será uma boa oportunidade de curtir uma night-out em Dubai, ou seguir para um hotel para uma boa noite de sono. Claro que para os avgeeks de plantão, passar a noite curtindo o gigante e luxuoso Emirates Business Class Lounge, também é uma boa opção. Afora que o Lounge ainda tem um bom quiet-room, onde você poderá tirar uma bela soneca, antes do café da manhã.


Como otimizar essa emissão?

Apesar dessa emissão usar uma quantidade relativamente baixa de milhas (M&G), tenha em mente que aquelas promoções recorrentes de tranferência bonificada que o TAP Miles&Go vinha fazendo no mercado brasileiro, parece que ficarão na memória.

O máximo que tivemos recentemente, foi a da última campanha da Black Friday, em que o TAP Miles & Go ofereceu até 100% de bônus nas transferências de pontos, sendo 80% para todos os clientes.

Considerando que, naquele momento, a Livelo estava vendendo pontos com 50% de desconto, ou seja R$35 reais de CPM (custo para cada mil pontos), temos que o CPM do Miles&Go ficou por cerca de R$19,45.

Nesse custo, precisaríamos investir R$2.236 para esse resgate do Miles&Go, para voar com a Emirates – DAR-DXB-JFK, especialmente na ótima Classe Executiva do A380, no trecho DXB-JFK.

Vemos, assim, que conseguindo aproveitar o empilhamento de promoções de compra de pontos Livelo, com uma campanha de transferência bonificada para o TAP Miles&Go, esse resgate fica incrivelmente barato.

Para se mensurar o quanto esse resgate é vantajoso, basta conferir o valor pagante dessas passagens:

Como se vê, os dois voos, na modalidade pagante, custariam mais de R$ 15.400. Assim, o resgate award custaria cerca de 15% do valor do bilhete comercial, o que é fenomenal.


Quais companhias posso voar?

  • Companhias da Star Alliance

Como a TAP é membro da aliança global Star Alliance, a emissão pode ser feita para voar em qualquer das companhias membro da aliança, ao custo fixo de 115 mil milhas TAP Miles&Go (one-way), que operem voos entre a África e América do Norte, inclusive de forma combinada (mesclando trechos em companhias diversas).

Aliás, uma opção que aparece com frequência nas pesquisas online, é com a Ethiopian, com a vantagem de não cobrar os mais de R$1.200 reais exigidos pela Emirates, como Taxa de Combustível.

Apesar disso, entendemos que a experiência de voar Emirates é bem superior, especialmente pelo voo de 14h (DXB-JFK), no magnífico A380. Fiz esse voo e posso dizer que foi uma experiência maravilhosa, inclusive por ter tempo sobrando para curtir o Lounge-bar do upper-deck do A380.

  • Cabine da Classe Executiva da Emirates

A Emirates até já tem uma cabine mais moderna nos novos A380 (recebidos de 2020 em diante), mas essa cabina “antiga” é excelente, com layout 1-2-1 e muito espaço nas poltronas. O trecho menor é operado no Boeing 777, em regra equipada com a cabine antiga, que é o produto mais fraco da Emirates em Classe Executiva, com layout 2-3-2 e poltronas lie-flat bed.

E voando no A380, você ainda tem acesso ao maravilho lounge-bar que serve à Primeira Classe e à Classe Executiva (temporariamente fechado), onde poderá ir tomar um aperitivo e espairecer um pouco, dado que a viagem inclui o trecho ultra-longo entre Dubai e Nova York.

emirates

Lounge-bar no upper-deck do Airbus A380

Não há dúvida, portanto, que estamos diante de mais um Resgate de Primeira!


Fatores a considerar

  • Melhores custo x benefício do TAP Miles&Go voando de/para a África: No nosso resgate de hoje, o custo foi de apenas 115 mil milhas TAP Miles&Go, porque partimos de um país enquadrado como África Ocidental, Central e Oriental pelo programa. Acaso tivésssemos partido de um país enquadrado em outra região da África, como a África do Sul, que é classificada como África Austral, o valor pularia para 130 mil milhas. O mesmo se aplica em relação à Europa. Enquanto África Ocidental, Central e Oriental para Europa, exige 50 mil milhas TAP Miles&Go, a África Austral exige 80 mil milhas. Já quando o destino é Ásia, a situação se inverte. Enquanto África Austral-Ásia requer apenas 50 mil milhas TAP Miles&Go (para muitos, o maior sweetspot do programa), da África Ocidental, Central e Oriental, são requeridas 80 mil milhas. Fique atento, portanto, a esses detalhes, quando estiver montando seu roteiro;
  • Cobrança de taxa de combustível (YQ) pela Emirates: Infelizmente, a Emirates voltou a cobrar a indesejada taxa de combustível (YQ), mesmo nos voos partindo do Brasil. A boa notícia, é que o valor cobrado, para os dois voos simulados, ficaram em cerca de mil e duzentos reais, bem razoável, levando em conta a magnitude do resgate. O correto, entretanto, seria não haver cobrança a esse título, sobretudo nos casos em que o voo parte do Brasil (o que não é o caso deste);
  • Tanzania, Dubai e Estados Unidos continuam abertos para brasileiros: Apesar do aumento abrupto de casos, com a nova onda da Covid trazida pela variante ômicron, todos os países tratados neste resgate, estão recebendo brasileiros vacinados. Tenha em mente, entretanto, que eventual infecção poderá obriga-lo a mudanças de planos, remarcação de voos e outros inconvenientes. Faça sua avaliação pessoal e viaje ciente dos riscos, para evitar frustrações;
  • Pouca disponibilidade: Embora ainda vejamos a persistência da crise sanitária,  com os sucessivos anúncios de reaberturas de fronteiras que assistimos nos últimos, voltamos a ter pouquíssimas disponibilidades para emissão award em companhias como Emirates. Acaso encontre disponibilidade para datas que atendam seu interesse, não deixe de aproveitar;

Comentário

Esse é mais um bom exemplo das dezenas de boas oportunidades de emissões que temos a explorar no nosso microcosmos de milhas e pontos, como falamos no post inicial dessa série semanal.

Como falamos nos posts anteriores dessa fase, acaso queira ver alguma rota/voo que tenha interesse/curiosidade, favor informar nos comentários, que poderemos tentar encaixar nas próximas publicações.

Lembre que nessa série, optamos por abordar apenas uma boa emissão por semana, mas oferecendo todas as informações que você precisa saber para tirar proveito da oportunidade, inclusive todos os pros e contras que se aplicam a essa emissão.

E você, já conseguiu aproveitar bons resgates com os programas Miles&Go?

☞ confira os últimos resgates publicados:

Seguro Viagem
Seguro Viagem
8 pontos Livelo por real gasto + 70% de desconto!
Confraria Grand Cru
Confraria Grand Cru
Ganhe 3 meses grátis e R$150 de crédito por indicação!
Cartões Elo
Cartões Elo
Prêmios diários de R$1 mil e dois super prêmios de R$ 100 mil!
Cartão Azul Itaucard
Cartão Azul Itaucard
Ganhe até 65 mil pontos bônus!
Conta Americana
Conta Americana
Ganhe US$10 na Conta Americana da Nomad!
Clube de Milhas
Clube de Milhas
Receba 1.000 milhas por mês + 7.000 milhas bônus na hora!
Gerencie suas Milhas
Gerencie suas Milhas
6 meses grátis do AwardWallet Plus para novos usuários!
Ver todos os cupons

Baixe o app do Passageiro de Primeira

google-play
app-store

O maior portal de Programas de Fidelidade do Brasil.
Tudo sobre milhas e pontos, avaliação de voos, salas VIP, hotéis, cartão de crédito e promoções.