fbpx

Resgates de Primeira – Passagem do Brasil para Doha em Executiva para assistir a abertura da Copa do Mundo FIFA 2022 – (Parte II)

Programas de fidelidade Resgates de Primeira

Por Raimundo Junior

Como você vem acompanhando na série Resegates de Primeira, buscamos sempre mostrar bons resgates, especialmente em Classe Executiva e Primeira Classe, com ênfase para destinos em que os custos pagantes estejam elevados, de modo a trazer alto valor agregado ao uso de milhas. Por essa razão, o que temos no cardápio hoje é mais uma opção de chegar até Doha, pra ver a Copa do Catar, usando milhas e pontos. Assim, no cardápio de hoje, temos: Resgates de Primeira – Passagem do Brasil para Doha para assistir a abertura da Copa do Mundo FIFA 2022 – (Parte II).

pular para…

  1. O Resgate de Primeira
  2. Quanto custa essa emissão?
  3. Como fazer essa emissão?
  4. Como otimizar essa emissão?
  5. Quais companhias posso voar?
  6. Fatores a considerar
  7. Comentário

O Resgate de Primeira

Rota: São Paulo – Dubai – Amã – Doha
Programa(s): Miles & Go (TAP) + Executive Club (British Airways)

Para quem não vem acompanhando, nas primeiras duas fases da série Resgates de Primeira, mostramos ótimos resgates para voar em Classe Executiva para todos os continentes. Na terceira fase, mostramos Resgates de Primeira para voar em Primeira Classe, item cada da vez mais raro no mundo da aviação, especialmente para viajar utilizando milhas e pontos.

Nessa últimas, voltamos a mostrar o resgate de viagens em Classe Executiva que apresentem custo x benefício acima da média. Dentre esses bons voos, já mostramos como os torcedores brasileiros conseguirem chegar a Abu Dhabi, para assistir o Mundial de Clubes da FIFA, no próximo mês.

Desde a semana passada, vendo que a Qatar Airways retirou todas as disponibilidades award para parceiros, no período da Copa do Mundo FIFA 2022, com destino a Doha, resolvemos mostrar uma boa alterntiva para contornar esse problema, chegando em Doha com todos os voos em Classe Executiva. Naquela oportunidade, mostramos um resgate misto envonvendo o Iberia Plus, da espanhola Iberia e o AAdvantage, da americana American Airlines, ambos programas parceiros de cartões de crédito emitidos pelo Santander.

Hoje, vamos mostrar outro resgate misto, com a primeira emissão feita no TAP Miles&Go, em que é possível voar na ótima Classe Executiva da Emirates no icônico A380, entre São Paulo e Dubai, que é um dos bons sweetspots do programa, acrescido de mais um pequeno trecho diurno, na Classe Econômica da própria Emirates (pouco mais de 3:30h), no mesmo resgate do TAP Miles&Go, sem custo adicional. Ressalte-se que o valor não se alteraria, acaso pudéssemos achar disponibilidade em Classe Executiva. Entretanto, dado o horário e a duração do voo (DXB-AMM), não se mostra tão relevante o resgate em Classe Econômica.

A segunda emissão é feita através do programa Executive Club, da British Airways, voando na boa Classe Executiva da Royal Jordanian no Boeing 787 Dreamliner, entre Amã, capital da Jordânia, e Doha.

Essa emissão combinada, representa um excelente custo em milhas, para voar em Classe Executiva entre Brasil e o Catar, sobretudo levando em consideração o baixo custo de geração das milhas do programa TAP Miles&Go, usado no voo mais longo.

Para saber todas as regras envolvidas nessa emissão, recomendo a leitura do nosso guia completo do TAP Miles&Go.


Quanto custa essa emissão?

Começemos mostrando o primeiro resgate, entre São Paulo e Amã. Apesar da última mudança de tabela de emissão com parceiros (quando o programa da TAP ainda se chamava Victoria), em que houve um aumento considerável do custo para alguns destinos, conforme noticiamos aqui no PP, a rota América do Sul – Oriente Médio, manteve um ótimo patamar, cobrando apenas 130.000 milhas por trecho.

Com isso, é possível emitir passagens para voar do Brasil (ou qualquer outro país da América do Sul), para o Oriente Médio, pagando apenas 130 mil milhas TAP Miles&Go por trecho. Perceba que o fato do pequeno trecho ser feito em Classe Econômica, não vai alterar o valor do resgate. Por outro lado, acaso seu resgate seja feito em data diversa, em que ambos os trechos tenham disponibilidade em Classe Executiva, você pagará o mesmo valor aqui mostrado, inclusive se conseguir encontrar disponibilidade até Doha.

No caso de emissão com a Emirates, é possível voar para Dubai, Doha, Abu Dhabi, Cairo, ou qualquer outro destino operado pela Emirates no Oriente Médio. Nesse período da Copa do Mundo FIFA Catar 2022, infelizmente, tem sido raro encontrar vagas award chegando até a capital do Catar.

Para o segundo resgate: Amã – Doha, em que utilizamos o Executive Club, da Britsh Airways, o custo é de 16.500 Avios + taxas. Esse número de Avios decorre da distância entre Amã e Doha, que é de 1.047 milhas, enquadrando-se na segunda faixa, precificada em 16.500 Avios, para voar com parceiros em Classe Executiva.

  • Distância AMM-DOH (GCMap)

  • Tabela de Avios – Executive Club


Como fazer essa emissão?

  • Encontrando disponibilidade

Como padrão nas emissões utilizando pontos/milhas, a disponibilidade pode ser mais restrita, portanto, recomendamos que pesquise pelas datas disponíveis antes de proceder com a tentativa de resgate. Leve em conta, ademais, o período especialíssimo a que o resgate se refere, que é a Copa do Mundo FIFA Catar 2022. Acaso tenha interesse, não perca um minuto.

E o agravante dos resgates com a Emirates, é que o acervo award da companhia árabe não está aparecendo nas pesquisas do ExpertFlyer, então as alternativas são realizar presquisas nos sites da Copa Airlines, GOL e Qantas.

No nosso caso, pesquisamos no site da Smiles, e encontramos as vagas award, sinalizadas pela possibilidade de reserva de vagas através do Viaje Fácil (o que não se aplica para o nosso resgate, que está sendo feito no TAP Miles&Go).

No segundo trecho, entre Amã e Doha, o resgate é pesquisável totalmente online no site do próprio Executive Club.

  • Realizando a emissão

Quanto às emissões, para os dois primeiros trechos (GRU-DXB-AMM), no Miles&Go, deve ser feito através do call-center do programa da aérea portuguesa. Até é possível resgatar parceiros Star Alliance no próprio site do Miles&Go, mas para voar com a Emirates, o call-center é o único meio disponível.

Pesquisamos ambos os trechos no Smiles (GRU-DXB, em Classe Executiva e DXB-AMM, em Classe Econômica), e encontramos disponibilidade.

Lembre que esses valores mostrados nas imagens das pesquisas na Smiles, são apenas referenciais para a disponibilidade de vagas. Os valores cobrados no resgate no TAP Miles&Go são diversos: 130 mil milhas para os dois trechos, acrescido de taxas, que serão maiores, pois além do YQ também cobrado na Smiles (R$ 973 + R$ 160), incidirá mais 40 euros pelo resgate através do Call-Center.

Já em relação ao segundo resgate, para voar entre Amã e Doha, tanto pesquisa, quanto resgate, são feitos on-line no próprio site do British Executive Club.

E perceba que o nosso resgate ainda vai te permitir curir uma noite e meio dia em Dubai, tempo pra tirar algumas fotos nos pontos mais importantes da turística cidade árabe, além de horas de curtição no Lounge da Royal Jordanian, em Amã.


Como otimizar essa emissão?

Apesar dessa emissão usar uma quantidade baixa de milhas (M&G), e Avios (EC), o lado negativo é que hoje não temos meios baratos de gerar os valiosos Avios utilizados no segundo trecho da viagem.

Para o primeiro programa, o Miles&Go, temos tido uma certa facilidade de geração de milhas a baixo custo. Na última campanha da Black Friday, o TAP Miles & Go ofereceu 80% de bônus nas tranferências bancárias para todos os clientes.

Considerando que, naquele momento, a Livelo estava vendendo pontos com 50% de desconto, ou seja R$35 reais de CPM (custo para cada mil pontos), temos que o CPM do Miles&Go ficou por cerca de R$19,45.

Nesse custo, precisaríamos investir R$2.528 para o resgate no Miles&Go, para voar com a Emirates – GRU-DXB, na ótima Classe Executiva do A380 + DXB-AMM em Classe Econômica.

Já para o segundo resgate, lembre que os Avios são moedas extremamente caras e valiosas no mercado internacional de milhas. Por sorte, precisaremos usar apenas 16.500 deles, para o trecho curto entre Amã e Doha.

Não esqueça o que disssemos na semana passada, sobre um dos maiores portais do mercado internacional de milhas, hospedagens e pontos, que divulga uma avaliação mensal de quanto valem as milhas. Na avaliação do último mês de dezembro de 2021, o TPG (The Points Guy) atribui o valor de 1,5 cents de dólar por Avio. Convertendo-se esses valores para real, teríamos R$8,55 centavos por Avios, ou R$85,50 de CPM.

Assim como dissemos no post “Resgates de Primeira – Passagem para a América do Norte com milhas do TAP Miles&Go“, nesse caso tambem é preciso compreender os paranauês, para tornar a emissão interessante.

E por incrível que pareça, o Brasil é um dos mercados em que conseguimos gerar Avios com os melhores custos.

Tenha em mente, primeiramente, que dos programas de fidelidade de bancos e/ou cartões de crédito brasileiros, apenas Livelo transfere diretamente para o programa da British Airways, o Executive Club.

Não esqueça, entretanto, que a Esfera, do Santander, transfere para o programa Iberia Plus, da companhia aérea espanhola Iberia. Uma vez lá, seus Avios podem ser compartilhados com a sua conta Executive Club, pois, como falamos em outras oportunidades, é possível combinar Avios entre contas dos programas de fidelidade do grupo IAG, inclusive de modo online,  através da conta avios.com, ou de modo direto, entre as contas do British Executive Club e Iberia Plus criadas há mais de 90 dias (saiba como nessa matéria).

O problema é que, depois que a Esfera equiparou com a Livelo a taxa de conversão para o Iberia Plus, em 2:1, infelizmente, perdemos uma das grandes vantagens dos resgates com Avios. Ainda assim, dado o pequeno número absoluto requerido para esse resgate, podemos dizer que os valores finais ainda são bastante razoáveis.

Assim, levando em consideração o melhor valor histórico de compra de pontos Livelo e Esfera com 50%, como ocorreu em algumas oportunidades em 2020 e 2021, tériamos um custo de R$70 o bloco de mil Avios no Executive Club e Iberia Plus. Com isso, o resgate AMM-DOH, custaria razoáveis R$ 1.155.

Com isso, teríamos um valor final pra chegar praticamente só em Classe Executiva até Doha (exceto o pequeno trecho DXB-AMM, de pouco mais de 3:30h, em Econômica), de R$ 3.683, na véspera da abertura da Copa do Mundo Fifa Catar 2022, o que é excelente

Leve em conta, ademais, que consideramos os piores cenários para geração, sobretudo sabendo que quem conseguiu fazer saldo no Iberia Plus (cujos Avios podem ser combinados com o British Executive Club), nas campanhas Bateu, Ganhou, teve um custo de 1/5 do que consideramos com o cenário atual, já que, além do baixo custo de geração dos pontos Esfera, a taxa de conversão em Avios era 1:1, metade da atual.

Não deixe de considerar, inclusive, que não será fácil encontrar meios de chegar até Doha, usando milhas, para participar do maior evento do futebol mundial. A Qatar Airways, que seria o meio mais racional para realizar a viagem, não vem oferecendo vagas award para os parceiros aéreos para as datas da realização da Copa, entre 21 de novembro de 18 de dezembro de 2022.

Para se mensurar o quanto esse resgate ainda é vantajoso, basta conferir o valor pagante dessas passagens:

Como se vê, os dois resgates, cujo investimentos total em milhas (milhas do M&G + Avios do EC), custaram R$ 3.683, necessitariam de um investimento superior a R$ 26.500, para a compra de passagens pagantes. Assim, o resgate award custaria cerca de 14% do valor da bilhete comercial, o que é fenomenal, sobretudo levando em conta o período.


Quais companhias posso voar?

  • Companhias da Star Alliance

Como a TAP é membro da aliança global Star Alliance, a emissão pode ser feita para voar em qualquer das companhias membros da aliança, ao custo fixo de 130 mil milhas TAP Miles&Go (one-way), que operem voos entre a América do Sul e Oriente médio, inclusive de forma combinada (mesclando trechos em companhias diversas).

Entretanto, não tem sido fácil achar disponibilidade com esses parceiros Star Alliance, para o período da Copa do Mundo. Milagrosamente, hoje Fábio Vilela identificou vagas com a Emirates, o que impôs a mudança do nosso Resgate de Primeira, já que não poderíamos deixar de mostrar outras opções para nossos leitores chegar até Doha, em plena abertura da Copa do Mundo Fifa Catar 2022.

  • Cabine da Classe Executiva da Emirates

A Emirates mostra disponibilidade para o primeiro trecho (GRU-DXB), na ótima Classe Executiva do magnífico A380. Infelizmente, o pequeno trecho entre Dubai e Amã, terá que ser resgatado em Classe Econômica, já que não conseguimos encontrar vaga award em cabime premium.

E voando no A380, você ainda tem acesso ao maravilho lounge-bar que serve à Primeira Classe e à Classe Executiva (temporariamente fechado), onde poderá ir tomar um aperitivo e espairecer um pouco, dado que a a viagem inclui o trecho ultra-longo entre São Paulo e Dubai.

emirates

Lounge-bar no upper-deck do Airbus A380

  • Cabine da Classe Executiva Royal Jordanian

O voo entre Amã e Doha, como dissemos, tem previsão de operação no Boeing 787 Dreamliner da companhia árabe, cuja Classe Executiva já mostramos na semana passada.

Acaso se interesse por conhecer um pouco mais essa cabine, Fábio Vilela tem review aqui no site, sobre o B787 da RJ.

Não há dúvida, portanto, que estamos diante de um Resgate de Primeira!


Fatores a considerar

  • Avios são moedas valiosas: Embora não haja dúvida de que essa seja uma boa emissão, dadas as características especiais mostradas acima, permitindo chegar a Doha para a abertura da Copa do Mundo FIFA 2022, praticamente só voando em Classe Executiva, em companhias premium, deve ser considerado que os Avios usados no trecho final, são milhas extremamente valiosas e permitem outras emissões ainda melhores;
  • Melhor custo x benefício do TAP Miles&Go se voar até Doha no mesmo resgate: Optamos por mostrar esse resgate de primeira com milhas TAP Miles&Go e Avios, para aproveitarmos a rara disponibilidade do trecho GRU-DXB, na Classe Executiva da companhia árabe. Infelizmente, não há vaga Award para voar Emirates até Doha, nem em Classe Econômica. Acaso volte a aparecer disponibilidade, o custo total se resumirá aos 130 mil milhas cobradas até Amã;
  • Cobrança de taxa de combustível (YQ) pela Emirates: Infelizmente, a Emirates voltou a cobrar a indesejada taxa de combustível (YQ), mesmo nos voos partindo do Brasil. A boa notícia, é que o valor cobrado, para os dois voos simulados, ficaram em cerca de mil reais, bem razoável, levando em conta a magnitude do resgate. O correto, entretanto, seria não haver cobrança a esse título, em respeito à majoritária jurisprudência brasileira sobre o tema;
  • (Im)prescritibilidade dos Avios: Apesar de haver prazo regulamentar de validade dos Avios, na prática são espécies de milhas quase imprescritíveis, já que qualquer movimentação em sua conta Iberia Plus, como uma simples transferência de pontos/crédito de milhas do Cartão de Crédito e/ou crédito de voo, no prazo de 36 meses, interrompe o prazo prescricional. Essa é uma enorme vantagem desse programa;
  • Doha está reaberta para brasileiros: Como mostramos aqui no PP, o Catar voltou a receber brasileiros completamente vacinados. Apesar dos cuidados e preocupações com a nova variante Ômicron, estimamos que até a Copa do Mundo, a realizar-se entre 21 de novembro e 18 de dezemobro, a situação já esteja controlada;
  • Pouca disponibilidade: Embora ainda vejamos a persistência da crise sanitária,  com os sucessivos anúncios de reaberturas de fronteiras que assistimos nos últimos, voltamos a ter pouquíssimas disponibilidades para emissão award em companhias como Emirates. Para as datas que cercam um evento gradioso como a Copa do Mundo, essas vagas tendem a ser ainda mais limitadas. Acaso tenha interesse, não deixe de aproveitar;

Comentário

Esse é mais um bom exemplo das dezenas de boas oportunidades de emissões que temos a explorar no nosso microcosmos de milhas e pontos, como falamos no post inicial dessa série semanal.

Como falamos nos posts anteriores dessa fase, acaso queira ver alguma rota/voo que tenha interesse/curiosidade, favor informar nos comentários, que poderemos tentar encaixar nas próximas publicações.

Lembre que nessa série, optamos por abordar apenas uma boa emissão por semana, mas oferecendo todas as informações que você precisa saber para tirar proveito da oportunidade, inclusive todos os pros e contras que se aplicam a essa emissão.

E você, já conseguiu aproveitar bons resgates com os programas Miles & Go e Executive Club?

☞ confira os últimos resgates publicados:

Hotéis com Desconto + Selos
Hotéis com Desconto + Selos
5% de desconto + selos no Rewards em estadias até 31 de março de 2023!
Hotéis com Desconto
Hotéis com Desconto
8% de desconto em estadias até 31 de março de 2023!
Seguro Viagem com Desconto
Seguro Viagem com Desconto
70% de desconto no seu Seguro Viagem!
Clube de Milhas
Clube de Milhas
Receba 1.000 milhas por mês + 7.000 milhas bônus na hora!
Compras com Desconto
Compras com Desconto
5% de desconto em itens vendidos e entregues pelo Magalu!
Gerencie suas Milhas
Gerencie suas Milhas
6 meses grátis do AwardWallet Plus para novos usuários!
Ver todos os cupons

Baixe o app Passageiro de Primeira

google-play
app-store

10 anos! O maior portal de Programas de Fidelidade do Brasil.
Tudo sobre milhas e pontos, avaliação de voos, salas VIP, hotéis, cartão de crédito e promoções.