fbpx

Resgates de Primeira – Passagem do Brasil para Doha em Executiva para assistir a abertura da Copa do Mundo FIFA 2022

Notícias

Por Raimundo Junior

Como você vem acompanhando na série Resegates de Primeira, buscamos sempre mostrar bons resgates, especialmente em Classe Executiva e Primeira Classe, com ênfase para destinos em que os custos pagantes estejam elevados, de modo a trazer alto valor agregado ao uso de milhas. Por essa razão, o que temos no cardápio hoje é: Resgates de Primeira – Passagem do Brasil para Doha para assistir a abertura da Copa do Mundo Fifa 2022.

Passagem Europa Avios Iberia

pular para…

  1. O Resgate de Primeira
  2. Quanto custa essa emissão?
  3. Como fazer essa emissão?
  4. Como otimizar essa emissão?
  5. Quais companhias posso voar?
  6. Fatores a considerar
  7. Comentário

O Resgate de Primeira

Rota: São Paulo – Madrid – Doha
Programa(s): Iberia Plus (ou Executive Club) + AAdvantage (American Airlines)

Para quem não vem acompanhando, nas primeiras duas fases da série Resgates de Primeira, mostramos ótimos resgates para voar em Classe Executiva para todos os continentes. Na terceira fase, mostramos Resgates de Primeira para voar em Primeira Classe, item cada da vez mais raro no mundo da aviação, especialmente para viajar utilizando milhas e pontos.

Nessa últimas, voltamos a mostrar o resgate de viagens em Classe Executiva que apresentem custo x benefício acima da média. Dentre esses bons voos, já mostramos como os torcedores brasileiros conseguirem chegar a Abu Dhabi, para assistir o Mundial de Clubes da FIFA, no próximo mês.

Agora, vendo que a Qatar Airways retirou todas as disponibilidades award para parceiros, no período da Copa do Mundo FIFA 2022, com destino a Doha, resolvemos mostrar uma boa alterntiva para contornar esse problema, chegando em Doha com todos os voos em Classe Executiva.

Para fins de otimização de custos, optamos por mostrar dois resgates independentes, utilizando dois ótimos programas internacionais a que nós brasileiros temos acesso: Iberia Plus, da espanhola Iberia e AAdvantage, da americana American Airlines, ambos programas parceiros de cartões de crédito emitidos pelo Santander.

A primeira emissão, feita no Iberia Plus, será permitido voar na boa Classe Executiva da Iberia entre São Paulo e Madri, que é um dos melhores sweetspots do programa.

A segunda é feita através do programa AAdvantage, voando na Classe Executiva da Royal Jordanian entre Madri e Doha, com conexão em Amã, capital da Jordânia.

Essa emissão combinada, representa o menor valor absoluto em milhas, para voar em Classe Executiva entre Brasil e o Catar.

Considere, entretanto, que não está sendo considerado o valor relativo dos Avios e das milhas AAdvantage, que são dois dos ativos mais valiosos do mundo de milhas e pontos. Ainda assim, considerada a ocasião especial (assistir à concorrida Cerimônia de Abertura da Copa do Mundo do Catar), consideramos um bom uso para Avios+milhas AAdvantage.


Quanto custa essa emissão?

  • São Paulo – Madri (Iberia Plus)

Vamos começar mostrando o valor do primeiro resgate, no Iberia Plus, pra voar entre São Paulo e Madri.

Sabendo que o programa Iberia Plus tem tabela de emissões baseada em distância em milhas, a primera informação que precisamos saber, é a distância entre São Paulo e Madrid. Consultando o Great Circle Mapper (saiba como utilizá-lo nesse guia), constatamos que a distância é a seguinte:

  • Distância entre São Paulo e Madrid: 5.192 milhas

Passagem Europa Avios Iberia

Vemos, assim, que São Paulo está 5.192 milhas distante de Madrid.

Com isso, vamos buscar como essa distância é precificada nas tabelas do programa Iberia Plus. Para os voos com as empresas do Grupo Iberia, o Iberia Plus traz a seguinte tabela, para emissões em baixa temporada:

Assim, vemos que a distância entre São Paulo e Madrid está enquadrada na sexta faixa de tarifação, entre 4.001 e 5.500 milhas, o que requer 42.500 Avios para o trecho em Classe Executiva.

Isso significa que você vai precisar de apenas 42.500 Avios, para fazer uma viagem voando na Classe Executiva Internacional da Iberia, partindo São Paulo (ou do Rio de Janeiro, caso prefira).

Esse é um montante de milhas excepcional para a ligação entre Brasil e Europa, voando na boa Classe Executiva da Iberia (10:25h de tempo oficial de voo entre São Paulo e Madrid).

  • Madri – Doha

Para o segundo trecho, também seria possível resgatar com Avios, pelo British Executive Club, mas não se mostra um resgate muito vantajoso, já que iria requerer 55.250 Avios + taxas de $254 (em dólar, o que aumenta bastante o custo).

Em função disso, optamos pelo segundo resgate ser feito através do programa da American Airlines, o AAdvantage, que cobra 42.500 milhas, em tabela fixa para parceiros, para voar da Europa par ao Oriente Médio em Classe Executiva, independentemente do número de conexões.

 

Coincidentemente, para voos entre Europa e Oriente Médio, o AAdvantage cobra as mesmo 42.500 milhas que o IP cobra, em Avios, entre São Paulo e Madri. Com isso, temos um custo final de 85.000 milhas (42.500 Avios do IP + 42.500 milhas AAdvantage).

  • Pague um, leve dois

Como mostramos acima, ainda que se optasse por resgatar do Brasil até Doha apenas no Iberia Plus, o programa tarifaria os valores independentes de cada trecho. Há o lado negativo de que, em algumas situações, acaba resultando num maior número de pontos.

Entretanto, o lado positivo é que você pode quebrar a viagem, transformando-a em duas emissões independentes.

Portanto, no lugar de resgatar GRU-MAD e seguir de imediato para DOH, você pode resgatar o primeiro trecho deixando o tempo que achar conveniente para curtir a Europa, para só na sequência seguir para Doha.

Aliás, no nosso resgate proposto, deixamos um dia entre a chegada em Madri e a partida para Doha. Mas, você pode deixar quantos tenha interesse, limitado apenas pela disponibilidade de bilhetes award.


Como fazer essa emissão?

  • Encontrando disponibilidade

Um dos grandes diferenciais tanto do Iberia Plus, quanto do AAdvantage, é a possibilidade de pesquisa e emissão online. E o melhor é que isso não se restringe aos voos com Iberia ou British Airways, no IP, ou American Airlines, no caso do AAdvantage, mas também com parceiros aéreos. Em relação ao Iberia Plus, atente apenas para o fato de que o programa permite apenas emissões round-trip (ida e volta), com parceiros  (externos ao sistema Avios).

Caso queira agilizar sua busca, você poderá procurar as datas em que o programa disponibiliza vagas na Classe Tarifária U (saver award em Classe Executiva), através do ExpertFlyer, conforme publicamos no nosso Guia Básico do ExpertFlyer. Com isso você já vai para o site do Iberia Plus, bem como do AAdvantage, sabendo as datas em que terá a disponibilidade. Aliás, nesse quesito o site da AAdvantage é um grande aliado nas pesquisas de parceiros oneworld, em função da sua pesquisa por calendário.

  • A emissão

Para o trecho GRU-MAD, você deve acessar o site da Iberia, fazer login na sua conta Iberia Plus, selecionar “Reserve voos com Avios” e realizar a sua pesquisa. Feito isso, já mostrará se há voos disponíveis para as datas selecionadas, assim como o valor cobrado em Avios.

Para a segunda parte da viagem (MAD-AMM-DOH), após logar na sua conta AAdvantage, realizada a pesquisa e encontrado o resultado, basta selecionar os voos preferidos e seguir para finalização, tudo online.

Como se vê, para a data escolhida, há disponibilidade no voo de ida nas três classes de voo que a Ibéria opera na rota, entre GRU-MAD, e em Classe Econômica e Classe Executiva, entre MAD-TLV.

Após selecionados ambos os trechos, na tela seguinte mostrará o valor total em Avios, assim como as taxas cobradas.


Como otimizar essa emissão?

Apesar dessa emissão usar uma quantidade baixa de milhas (Avios), e milhas AAdvantage, o lado negativo é que hoje não temos meios baratos de gerar os valiosos ativos de viagem.

Avios e milhas AAdvantage são moedas extremamente caras e valiosas no mercado internacional de milhas.

Um dos maiores portais do mercado internacional de milhas, hospedagens e pontos, divulga uma avaliação mensal de quanto valem as milhas. Na avaliação do último mês de dezembro de 2021, o TPG (The Points Guy) atribui o valor de 1,5 cents de dólar por Avio e 1,68 para as milhas AAdvantage. Convertendo-se esses valores para real, teríamos R$ 8,55 centavos por Avios, ou R$ 85,50 de CPM. Já as milhas AAdvantage valeriam R$ 9,576 a unidade, com CPM de R$ 95,76.

Assim como dissemos no post “Resgates de Primeira – Passagem para a América do Norte com milhas do TAP Miles&Go“, nesse caso tambem é preciso compreender os paranauês, para tornar a emissão interessante.

E por incrível que pareça, o Brasil é um dos mercados em que conseguimos gerar Avios com os melhores custos.

Tenha em mente, primeiramente, que dos programas de fidelidade de bancos e/ou cartões de crédito brasileiros, apenas Livelo e Esfera transferem para o programa da aérea espanhola.

Depois que a Esfera equiparou com a Livelo a taxa de conversão para o Iberia Plus, em 2:1, infelizmente, perdemos uma das grandes vantagens dos resgates com Avios. Ainda assim, dado o pequeno número absoluto requerido para esse resgate, podemos dizer que os valores finais ainda são bastante razoáveis.

Assim, levando em consideração o melhor valor histórico de compra de pontos Livelo e Esfera com 50%, como ocorreu em algumas oportunidades em 2020 e 2021, tériamos um custo de R$70 o bloco de mil Avios no Iberia Plus. Com isso, o resgate GRU-MAD, custaria razoáveis R$ 2.975.

Já para gerar milhas AAdvantage, levando em conta que o Cartão Santander AAdvantage Black não foi contemplado na última promogação Bateu-Ganhou, precisaríamos precificar o custo de geração sem bônus – esperamos e torcemos, volta a ser incluída na próxima campanha – o que eleva bastante o custode geração. Ainda assim, levando em conta o pagamento de boletos com taxas e 2,80% (dá até pra conseguir um custo médio menor, dados os limites gratuitos de alguns aplicativos), a milha AA teria um custo de 0,0826, ou seja, um CPM de R$82,60. Com isso, seria necessário investir R$ 3.510, para gerar essas 42.500 milhas AAdvantage.

Com isso, teríamos um valor final relativamente elevado, de R$ 6.485, pra chegar de Classe Executiva até Doha, na data da abertura da Copa do Mundo FIFA 2022. Leve em conta, entretanto, que consideramos os piores cenários para geração, sobretudo sabendo que quem conseguiu fazer saldo no AAdvantage nas campanhas Bateu, Ganhou em que o cartão participou, teve um custo de um terço do que consideramos com o cenário atual. Igual raciocínio vale para os Avios, que até a mudança de taxa de transferência do Santander, custava exatamente a metade do custo atual.

Não deixe de considerar, inclusive, que não será fácil encontrar meios de chegar até Doha, usando milhas, para participar do maior evento do futebol mundial. A Qatar Airways, que seria o meio mais racional para realizar a viagem, não vem oferecendo vagas award para os parceiros aéreos para as datas da realização da Copa, entre 21 de novembro de 18 de dezembro de 2022.

Para se mensurar o quanto esse resgate ainda é vantajoso, basta conferir o valor pagante dessas passagens:

Como se vê, o custo dos mesmos voos, na modalidade pagante, seria de R$ 18.715, o que significa que o resgate de hoje nos custaria apenas 34,65% do valor das passagens pagas. Não é a maior economia que já mostramos no quadro, mas é muito relevante, em especial pelo período e características especiais a que se refere.


Quais companhias posso voar?

  • Iberia – Classe Executiva

Como mencionamos no post, a boa tarifa em Avios, através do programa Iberia Plus, é exclusiva para voar na Classe Executiva da própria Iberia entre São Paulo (ou Rio de Janeiro) e Madri.

Desde 2015, quando a companhia espanhola escalou aeronaves equipadas com a sua nova Classe Executiva nas rotas para o Brasil, passamos a contar com um produto de boa qualidade, inclusive o hard product.

Em 2016, Fábio Vilela fez um bom review dessa cabine, num voo entre São Paulo e Madrid, como você pode conferir clicando aqui. Apesar de alguns pequenos contratempos com o serviço (por culpa da azeitona, quem diria! Rs) e com a temperatura da cabine, foi uma avaliação positiva, o que demonstra que se trata de produto na média do padrão das companhias européias.

Você também pode usar seus Avios do Iberia Plus, para para voar na Classe Executiva da British Airways. Nesse caso, entretanto, não se mostra uma emissão vantajosa, pois demandaria um número muito maior de Avios.

Para o segundo trecho, levando em conta a informação que dissemos acima, de que a Qatar Airways não tem disponibilizado vagas award para parceiros, no período da Copa do Mundo 2022, só foi possível montar a viagem com a Royal Jordanian. A companhia tem um serviço de qualidade, mas nos voos que partem de Madri, infelizmente, só está operando com aviões estreitos, de corredor único (narrow-body). Apesar disso, como não são voos longos, não chega a ser algo que “estrague” a viagem.

Acaso queira contornar esse “problema” e não se importe em voar um trecho a mais, é provável que consiga montar a viagem ligando Madri-Londres-AMM-DOH, através da ótima Central Telefônica do AAdvantage. Nesse caso, o trecho LHR-AMM seria serviço pelo moderno e mais confortável B787 Dreamliner.

Acaso se interesse por conhecer um pouco mais essas cabines, Fábio Vilela tem review aqui no site, tanto no A320, quanto no B787, para o caso de conseguir voar a partir de Londres.


Fatores a considerar

  • Avios e milhas AAdvantage são moedas valiosas: Embora não haja dúvida de que essa seja uma boa emissão, dadas as características especiais mostradas acima, permitindo curtir a Europa e ao mesmo tempo, chegar a Doha para a abertura da Copa do Mundo FIFA 2022, deve ser considerado que as milhas usadas (Avios e milhas AAdvantage), são milhas extremamente valiosas e permitem outras emissões ainda melhores;
  • Possível melhor custo x benefício do TAP Miles&Go: Optamos por mostrar esse resgate de primeira com Avios e milhas AAdvantage, porque é o que apresenta o menor custo absoluto em milhas (avios), e consegue te colocar em Doha no exato dia da abertura da Copa do Mundo. Contudo, pelo custo de geração das milhas do programa TAP Miles&Go, possivelmente você vai conseguir gerar as 130 mil milhas necessárias para essa emissão pelo programa português, por um custo efetivamente inferior. Não encontramos, contudo, chegada em Doha na data exata que queríamos mostrar;
  • Cobrança de taxa de combustível (YQ) em emissões com Avios para voos iniciados fora do Brasil (e alguns destinos): Uma das razões por que optamos de emitir o sgundo trecho da viagem com milhas AAdvantage, no lugar de Avios, é que no programa espanhou, havia cobrança de YQ para a viagem entre Madri e Doha, com a Royal Jordanian. O AAdvantage, por sua vez, não está repassando essa taxa, como você pode conferir nos prints acima. Emissões iniciadas no Brasil, ainda que tenham trecho subsequentes, assim como round-trip (ida e volta), estão isentas da cobrança. Portanto, acaso pretenda emitir bilhetes separados, ou apenas a volta ao Brasil, saiba que o resgate sofrerá a inciência dessa indesejada taxa. Alguns destinos internacionais onde também há legislação proibindo a cobrança, igualmente são isentos, a exemplo de Hong  Kong;
  • (Im)prescritibilidade dos Avios e milhas AAdvantage: Apesar de haver prazo regulamentar de validade dos Avios e milhas AAdvantage, na prática são uma espécies de milha quase imprescritíveis, já que qualquer movimentação em sua conta Iberia Plus ou AAdvantage, como uma simples transferência de pontos/crédito de milhas do Cartão de Crédito e/ou crédito de voo, no prazo de 36 meses (Iberia Plus), ou 18 meses no Programa AAdvantage (valendo inclusive movimentação por resgate, no caso da AA), interrompe o prazo prescricional. Essa é uma enorme vantagem desses programas;
  • Razoabilidade das taxas de alteração/cancelamento: Um dos pontos positivos da emisão, é que acaso você precise alterar e/ou cancelar o seu bilhete, poderá fazê-lo em até 24 horas antes do voo, com uma taxa bastante razoável, de apenas 25 euros no Iberia Plus, sendo que no AAdvantage, as taxas estão suspensas desde o final de 2020;
  • Espanha e Doha estão reabertos para brasileiros: Como mostramos aqui no PP, a Espanha e Catar voltaram a receber brasileiros completamente vacinados. Apesar dos cuidados e preocupações com a nova variante Ômicron, estimamos que até a Copa do Mundo, a realizar-se entre 21 de novembro e 18 de dezemobro, a situação já esteja controlada.

Comentário

Esse é mais um bom exemplo das dezenas de boas oportunidades de emissões que temos a explorar no nosso microcosmos de milhas e pontos, como falamos no post inicial dessa série semanal.

Como falamos nos posts anteriores dessa fase, acaso queira ver alguma rota/voo que tenha interesse/curiosidade, favor informar nos comentários, que poderemos tentar encaixar nas próximas publicações.

Lembre que nessa série, optamos por abordar apenas uma boa emissão por semana, mas oferecendo todas as informações que você precisa saber para tirar proveito da oportunidade, inclusive todos os pros e contras que se aplicam a essa emissão.

E você, já conseguiu aproveitar bons resgates com os programas Iberia Plus e AAdvantage?

Clique sobre os links, para conhecer melhor sobre os programas Iberia Plus, AAdvantage e Esfera.


Confira os Resgates de Primeira publicados!

Primeira fase

Segunda fase

Terceira fase

Quarta fase

Seguro Viagem
Seguro Viagem
Ganhe 10% de desconto na contratação do seu seguro!
Supermercado
Supermercado
Ganhe 25% de desconto na primeira compra e 10% de cashback nas próximas!
Hotéis
Hotéis
5% de desconto + selos no Rewards em estadias até 31 de março de 2023!
Cartão Pão de Açúcar Itaú
Cartão Pão de Açúcar Itaú
Ganhe 1 ponto por R$ 1 gasto!
Cartão BTG Pactual Black
Cartão BTG Pactual Black
Ganhe cashback ou pontos e IOF Especial!
Gerencie suas Milhas
Gerencie suas Milhas
6 meses grátis do AwardWallet Plus para novos usuários!
Clube 1.000
Clube 1.000
Receba 1.000 milhas por mês + 7.000 milhas bônus na hora!
Ver todos os cupons

Baixe o app do Passageiro de Primeira

google-play
app-store

O maior portal de programas de fidelidade do Brasil.
Tudo sobre milhas e pontos, voos e salas VIP, hotéis e lazer, cartão de crédito e promoções.