fbpx

Resgates de Primeira – Passagem para a Europa com Avios do Iberia Plus

Notícias

Por Raimundo Junior

Dando sequência ao quadro Resgates de Primeira, no qual estamos compartilhando com você, toda sexta-feira, um sweet spot, ou seja, aquele resgate de passagem ou reserva de hotel que oferece uma condição muito atrativa em relação ao custo-benefício envolvido, vamos mostrar uma ótima oportunidade de emissão de passagem para Europa com Avios (milhas) no programa Iberia Plus, da companhia espanhola Iberia.

Passagem Europa Avios Iberia

pular para…

  1. O Resgate de Primeira
  2. Quanto custa essa emissão?
  3. Como fazer essa emissão?
  4. Como otimizar essa emissão?
  5. Quais companhias posso voar?
  6. Fatores a considerar
  7. Comentário

O Resgate de Primeira

Rota: Brasil x Europa
Programa: Iberia Plus

Começamos a série mostrando um excelente resgate para um dos destinos mais populares para nós brasileiros, os Estados Unidos. Para seguirmos priorizando nossos leitores, que também viajam com frequência para o velho continente, hoje vamos mostrar um dos mais eficientes usos de milhas para voar entre Brasil e Europa, em Classe Executiva, utilizando Avios (milhas) do programa Iberia Plus.

Essa emissão é a que apresenta, de longe, o menor valor absoluto em milhas para voar em Classe Executiva entre Brasil e Europa.

Tenha em mente, antes de tudo, que estamos tratando de Avios, que é como são chamadas as milhas dos programas Iberia Plus (Iberia), Executive Club (British Airways) e AerClub (Aer Lingus).

Vale registrar que não está sendo considerado o valor relativo dos Avios, que de fato são bastante valiosos e permitem muitas outras excelentes emissões. Aliás, essa não será a única vez que você verá sweet spots usando essa “moeda” (Avios), aqui nesse quadro.


Quanto custa essa emissão?

Sabendo que o programa Iberia Plus tem tabela de emissões baseada em distância em milhas, a primera informação que precisamos saber, é a distância entre São Paulo/Rio de janeiro e Madrid, que são as cidades brasileiras que contam com voos da Iberia. Consultando o Great Circle Mapper (saiba como utilizá-lo nesse guia), constatamos que as distâncias são as seguintes:

  • Distância entre São Paulo e Madrid: 5.192 milhas

Passagem Europa Avios Iberia

  • Distância entre Rio de Janeiro e Madrid: 5.048 milhas

Passagem Europa Avios Iberia

Vemos, assim, que São Paulo está 5.192 milhas distante de Madrid, ao passo que o Rio de Janeiro fica a 5.048 milhas.

Com isso, vamos buscar como essas distâncias são precificadas nas tabelas do programa Iberia Plus. Para os voos com as empresas do Grupo Iberia, o Iberia Plus traz a seguinte tabela, para emissões em baixa temporada:

Passagem Europa Avios Iberia

Assim, vemos que ambos os destinos brasileiros para onde voa a Iberia (São Paulo e Rio de Janeiro), estão enquadrados na sexta faixa de tarifação, entre 4.001 e 5.500 milhas, o que requer 42.500 Avios para o trecho em Classe Executiva. Isso significa que você vai precisar de apenas 85 mil Avios, para fazer uma viagem round-trip (ida e volta), na Classe Executiva da Iberia, partindo tanto do Rio de Janeiro quanto de São Paulo.

Esse é um montante de milhas excepcional, para um voo de mais de 10h, na boa Classe Executiva da Iberia (apesar do calor e das azeitonas, não é Fábio? Rs).

Não podemos deixar de mencionar que essa tabela é utilizada para as datas consideradas de baixa, o que varia a cada ano. Para 2021, a tabela em vigor é a seguinte, com as datas em alta temporada destacadas em vermelho.

Passagem Europa Avios Iberia

Como se vê, afora julho e agosto, em que todos os dias são considerados como de alta, os demais meses do ano têm diversos dias em que é possível tirar proveito da tabela de baixa, acima mostrada.

Aliás, mesmo para os que precisam viajar em datas consideradas de alta, tem sido possível emitir pelo calendário de baixa, e depois pedir a alteração, havendo disponibilidade, com o pagamento da módica taxa de 25 euros, como Fábio mostrou aqui nessa matéria de 2019. A propósito, esse editor também precisou alterar uma viagem emitida para dezembro passado, e a data escolhida para o trecho de volta, recaiu em dia marcado no calendário como de alta. A despeito disso, não houve qualquer problema na alteração.

Mas, por dever de informar, vamos mostrar a tabela para alta estação, que é a seguinte:

Passagem Europa Avios Iberia

Como se vê, o trecho é tarifado, nessa tabela, com 62.500 avios, um valor ainda bastante razoável, embora não seja tão interessante como a emissão usando a tabela de baixa, mostrada no começo.


Como fazer essa emissão?

  • Encontrando disponibilidade

Um dos grandes diferenciais do Iberia Plus, é a possibilidade de pesquisa e emissão online. E o melhor é que isso não se restringe aos voos com Iberia ou British Airways, mas também com os demais parceiros aéreos. Deve-se registrar que em relação aos parceiros, exceto Grupo Iberia e British Airways, o programa permite apenas emissões round-trip (ida e volta).

Caso queira agilizar sua busca, você poderá procurar as datas em que o programa disponibiliza vagas na Classe Tarifária U (saver award em Classe Executiva), através do ExpertFlyer, conforme publicamos no nosso Guia Básico do ExpertFlyer. Com isso você já vai para o site do Iberia Plus, sabendo as datas em que terá a disponibilidade.

  • A emissão

Você deve acessar o site da Iberia, fazer login na sua conta Iberia Plus, selecionar “Reserve voos com Avios” e realizar a sua pesquisa. Feito isso, já mostrará se há voos disponíveis para as datas selecionadas, assim como o valor cobrado em Avios.

Passagem Europa Avios Iberia

Como se vê, para a data escolhida, há disponibilidade no voo de ida nas três classes de voo que a Ibéria opera na rota, sendo que para a Classe Executiva, a tarifa é, como falamos antes, de 42.500 Avios.

Após selecionados os trechos (só ida, ida e volta), na tela seguinte mostrará o valor tota em Avios, assim como as taxas cobradas.

Na imagem abaixo, exemplo de uma emissão round-trip (ida e volta), entre São Paulo e Madrid, em que são cobrados 85 mil Avios + $40,56 em taxas aeroportuárias.

Passagem Europa Avios Iberia

  • Emissão alternativa: São Paulo Londres voando British Airways:

A despeito de não ser tão em conta como o trecho GRU/GIG-MAD, voando Iberia, também é possível usar o programa Iberia Plus para voar entre São Paulo e Londres, com a British Airways, por uma quantidade bastante aceitável de avios, como mostra a simulação abaixo:

Passagem Europa Avios Iberia

Assim, caso não consiga encontrar disponibilidade para a sua emissão em Classe Executiva pela Iberia, ou mesmo prefira voar direto de São Paulo para Londres, o programa permite emitir para voar na Classe Executiva da British Airways, por 75 mil Avios, que ainda é um valor razoável + $10,43 de taxas.


Como otimizar essa emissão?

Embora essa seja uma emissão em que se usa uma quantidade baixa de milhas (Avios), só é uma boa oportunidade para quem consegue gerar os valiosos Avios a baixo custo.

Os Avios são uma moeda extremamente cara e valiosa no mercado internacional de milhas.

Um dos maiores portais do mercado internacional de milhas, hospedagens e pontos, divulga uma avaliação mensal de quanto valem as milhas. Na avaliação desse mês de fevereiro de 2020, o TPG (The Points Guy) atribui o valor de 1,5 cents de dólar por Avio. Convertendo-se esse valor para real, teríamos 8,25 centavos por Avios, ou R$ 82,50 por milheiro de Avios.

A propósito, até 01/03/2021, encontra-se em curso uma promoção de compra de Avios no site do Iberia Plus, em que está sendo concedido um bônus de 50% sobre os Avios comprados no período. Veja abaixo a simulação da compra de 10 mil Avios, com bônus de 50%, totalizando o acúmulo total de 15 mil Avios, ao custo de $300:

Passagem Europa Avios Iberia

O custo desses 15 mil Avios (10 mil + 5 mil), portanto, em reais, gira em torno de R$ 1.982,70, no câmbio do fechamento do dia 23/02, isso sem considerar o spread do cartão e o IOF de 6,38%.

Mesmo pelo câmbio oficial, o milheiro sairia por inviáveis R$ 132,18. Nessa configuração, a emissão não seria sequer razoável.

Assim como dissemos no post “Resgates de Primeira – Passagem para a América do Norte com milhas do TAP Miles&Go“, nesse caso tambem é preciso compreender os paranauês, para tornar a emissão interessante.

E por incrível que pareça, o Brasil é um dos mercados em que conseguimos gerar Avios com os melhores custos.

Tenha em mente, primeiramente, que dos programas de fidelidade de bancos e/ou cartões de crédito brasileiros, apenas Livelo e Esfera transferem para o programa da aérea espanhola.

A Livelo, infelizmente, não é uma opção interessante, em regra, porque a taxa regular de transferência é de 2 pontos Livelo para 1 Avios no Iberia Plus.

Passagem Europa Avios Iberia

Mesmo levando em consideração o melhor valor histórico de compra de pontos Livelo com 50%, como ocorreu em algumas oportunidades em 2020, tériamos um custo de R$ 70 reais para o milheiro Iberia Plus. Com isso, o trecho da emissão GRU-MAD, custaria desinteressantes R$ 2.975,00.

O que pavimenta um belo caminho até o programa espanhol, sem dúvida, é a Esfera, do Santander, que transfere para o Iberia Plus com a taxa 1:1.

Passagem Europa Avios Iberia

Como se vê acima, transferindo 15.000 pontos Esfera (quantidade mínima permitida), você receberá 15.000 Avios no Iberia Plus, ou seja, 1:1.

Além da geração regular dos pontos Esfera através das compras no cartão de crédito e campanhas de compras bonificadas em parceiros, o que tem ocorrido com certa frequência, interessa-nos mostrar o custo para compra dos pontos Esfera, de modo a termos uma parametrização do custo da emissão que estamos discutindo.

O custo regular de compra de pontos Esfera, assim como em todos os demais programas nacionais, é fixado em 70 reais o milheiro. Entretanto, de cara já há o desconto mínimo de 20% para quem seja assinante de qualquer Clube Esfera, que custa a partir de 27 reais. Com isso, o milheiro cai para 56 reais.

Passagem Europa Avios Iberia

Com esse valor de milheiro, o trecho GRU-MAD, na Classe Executiva da Iberia, custaria R$ 2.380,00 + taxas  (4.760,00 + taxas, round-trip), o que já seria um bom valor para voar de executiva para a Europa.

Mas, esse custo pode melhorar bastante!

  • O Clube Esfera

Como publicamos aqui no PP, o Clube Esfera foi lançado no início de novembro, com  planos entre 200 a 20.000 pontos mensais.

Como se vê, o melhor custo x benefício é o do Clube 20.000, que custa a partir de R$ 839,90. Nesse plano, o milheiro Esfera sai por R$41,99. Não é um valor módico, mas com isso o custo da nossa emissão já cai consideravelmente. Como os 20.000 pontos Esfera vão se transformar em 20.000 Avios, teremos o custo dos 42.500 Avios necessários para a emissão, no valor de R$ 1.774,29, o que é excepcional para um voo de mais de 10 horas até a Europa, em Classe Executiva, como já mencionamos.

E se você aproveitou para assinar o Clube Esfera, usando o cupon do Passageiro de Primeira, que deu 50% de bônus nos três primeiros meses do clube, a conta ficou ainda melhor. Com o bônus, o milheiro Esfera no Clube 20.000, saiu a R$27,99. Com isso, essa emissão custou R$ 1.182,58, por trecho, o que é uma barganha incrível.

  • Compra de pontos Esfera com desconto

Desde que o Santander reformolou e relançou o “Novo Programa Esfera“, passou a ser possível comprar pontos – inicialmente, apenas como complemento de resgastes, inclusive em transferências para parceios – algo inédito, até então. Depois, passou a ser permitida a compra direta de pontos, desvinculada de outras operações.

Do primeiro semestre de 2020 até agora, já houve diversas promoções de compra de pontos Esfera, com percentuais entre 40% e 50% de desconto. Apenas em 2021, tivemos uma oferta de compra de pontos com 50% em janeiro, e agora nesse mês de fevereiro, outra oferta de 45% de desconto. Na melhor oferta, com 50% de desconto, o custo para cada mil pontos foi R$35.

Com isso, o trecho da nossa Emissão de Primeira da semana, ficaria em R$ 1.478,75 + taxas, o que também é excepcional.


Quais companhias posso voar?

  • Iberia – Classe Executiva

Como mencionamos no post, essa boa tarifa em Avios, através do programa Iberia Plus, é exclusiva para voar na Classe Executiva da própria Iberia.

Desde 2015, quando a companhia espanhola escalou aeronaves equipadas com a sua nova Classe Executiva nas rotas para o Brasil, passamos a contar com um produto de boa qualidade, em especial o hard product.

Em 2016, Fábio Vilela fez um bom review dessa cabine, num voo entre São Paulo e Madrid, como você pode conferir clicando aqui. Apesar de alguns pequenos contratempos com o serviço (por culpa da azeitona, quem diria! Rs) e com a temperatura da cabine, foi uma avaliação positiva, o que demonstra que se trata de produto na média do padrão das companhias européias.

Você também pode usar seus Avios do Iberia Plus, para para voar na Classe Executiva da British Airways. Nesse caso, entretanto, não se mostra uma emissão vantajosa.

Vamos, contudo, mostrar como seria essa emissão, até para reforçar o que sempre dizemos, que as milhas e pontos devem ser usados naqueles resgates onde possam ser melhor potencializados.

  • British Airways – Classe Executiva

Conforme comentamos acima, os Avios são a moeda dos programas Iberia Plus, British Executive e Aer Lingus AerClub.

A despeito disso, cada um tem suas tabelas de emissão, que não se confundem.

Como dissemos, é possível emitir bilhetes award para voar na British Airways, usando os Avios da conta Iberia Plus.

Assim, além do excelente resgate de que tratamos nesse post, para voar de São Paulo para Madrid na Classe Exetuvida da Iberia, também é possível fazer a rota, voando com a British Airways, com conexão em Londres.

club world antiga classe executiva da British

O inconveniente, no caso, é que há um considerável aumento da quantidade de Avios requeridos, em razão de três fatores:

– Em primeiro lugar, porque a distância de São Paulo pra Londres é bem superior à distância para Madrid. Enquanto de São Paulo a Madrid a distância é de 5.192 milhas, para Londres essa distância salta para 5.873 milhas. Isso acarreta a mudança da 6ª para a 7ª faixa de precificação da tabela, considerando que as emissões com Avios, como dito, são calculadas em função da distância.

– Em segundo lugar, porque a Tabela de Emissão para voar British Airways, usando Avios do Iberia Plus, é diferente da tabela para voar na própria Iberia. Para a faixa 7 (5.501 a 6.500 milhas), em que se enquadra a distância entre São Paulo e Londres (5.873 milhas), enquanto é tarifado em 51 mil Avios, para voar Iberia, na tabela para voar British Airways, é cobrado 75 mil Avios, off-peak (baixa temporada).

– Por fim, o programa precifica essas emissões trecho-a-trecho. No caso, são dois trechos, o primeiro, GRU-LHR, enquadrado na faixa 7, e o segundo, LHR-MAD, na faixa 1.

Temos, assim, 75 mil Avios para o trecho GRU-LHR, mais 12.500 Avios para o segmento LHR-MAD, totalizando 87.500 Avios.

Com isso, apenas o trecho de ida, custará mais caro que a emissão round-trip (ida e volta), voando Iberia. Isso mostra que uma escolha simples, pode transformar da água pro vinho a eficiência das suas milhas e pontos.

Enquanto você pode usar 42.500 Avios para voar de São Paulo a Madrid na Classe Executiva da Ibéria, “queimará” 87.750, para fazer o mesmo voo, apenas trocando a companhia aérea.

Pelo menos, há a perspectiva de que a British finalmente passe a operar a rota com o A350-1000, equipado com a nova Classe Executiva Club Suite.

Enfim, considerando o custo x benefício dos Avios, não recomendamos a emissão com a British Airways, exceto se o seu destino for Londres, porque mesmo ao custo de 75 mil Avios, terá a conveniência do voo direto, além da experiência com a nova cabine, como dissemos acima.


Fatores a considerar

  • Avios é moeda valiosa: Embora não haja dúvida de que essa seja uma excelente emissão, por usar apenas 42.500 Avios, deve ser considerado que os Avios são milhas extremamente valiosas e permitem outras emissões ainda melhores, especialmente se usadas através da sua conta Executive Club, da British Airways;
  • Combine seus Avios entre as contas do Iberia Plus e British Executive Club: Considerando que a melhor maneira de gerar Avios é através do programa Esfera, que não é parceiro do Executive Club, da British Airways, recorde que após enviar seus pontos para o Iberia Plus, você pode combinar (transferir) seus Avios para a sua conta no Executive Club, usando as valiosas dicas passadas por Fábio. Apesar dessa excelente emissão mostrada nesse post, há dezenas de excepcionais resgates que você poderá fazer, usando Avios do British Executive Club;
  • Cobrança de taxa de combustível (YQ) em emissões para voos iniciados fora do Brasil (e alguns destinos): Apesar de apresentar excelentes valores em Avios, e da previsibilidade desse valor, já que a tabela é fixa, o programa tem o inconveniente de cobrar Taxa de Combustível em boa parte das emissões. Emissões iniciadas no Brasil, ainda que tenham trecho subsequentes, assim como round-trip (ida e volta), estão isentas da cobrança. Portanto, acaso pretenda emitir bilhetes separados, ou apenas a volta ao Brasil, saiba que o resgate sofrerá a inciência dessa indesejada taxa. Alguns destinos internacionais onde também há legislação proibindo a cobrança, igualmente são isentos, a exemplo de Hong  Kong;
  • (Im)prescritibilidade dos Avios: Apesar de haver prazo regulamentar de validade dos Avios, na prática é uma espécie de milha quase imprescritível, já que qualquer movimentação em sua conta Iberia Plus, como uma simples transferência de pontos e/ou crédito de voo, no prazo de 36 meses, interrompe a prazo prescricional. Essa é uma enorme vantagem do programa;
  • Razoabilidade das taxas de alteração/cancelamento: Um dos pontos positivos da emisão, é que acaso você precise alterar e/ou cancelar o seu bilhete, poderá fazê-lo em até 24 horas antes do voo, com uma taxa bastante razoável, de apenas 25 euros;
  • O custo pode ser ainda menor: O Esfera tem adotado uma postura bastante agressiva e ousada desde a reformulação do programa, com constantes promoções de compras bonificadas em parceiros, muitas das quais com pontuação bastante alta. Como exemplo, veja a que mostramos na semana passada, em que era possível ganhar até 94.990 pontos ao comprar o novo Samsung S21. Apenas com essa compra, era possível emitir essa viagem de ida e volta para Madrid, na Classe Executiva da Iberia, e ainda sobravam quase 10 mil pontos.

Comentário

Esse é mais um bom exemplo das dezenas de boas oportunidades de emissões que temos a explorar no nosso microcosmos de milhas e pontos, como falamos no post inicial dessa série semanal.

Esteja certo que teremos incontáveis encontros nas próximas sextas-feiras, pois há muitas emissões interessantes a mostrar.

Como dito no início da série, optamos por abordar apenas uma boa emissão por semana, mas oferecendo todas as informações que você precisa saber para tirar proveito da oportunidade, inclusive todos os pros e contras que se aplicam a essa emissão.

E você, já conseguiu aproveitar essa excelente emissão do programa Iberia Plus?

Clique sobre os links, para conhecer melhor sobre os programas Iberia Plus e Esfera.

Baixe o app Passageiro de Primeira

google-play
app-store

O maior portal de Programas de Fidelidade do Brasil.
Tudo sobre milhas e pontos, avaliação de voos, salas VIP, hotéis, cartão de crédito e promoções.