fbpx

Resgates de Primeira – Passagem em Classe Executiva de São Paulo para Toronto com pontos TudoAzul

Programas de fidelidade Resgates de Primeira

Por Raimundo Junior

Como você viu aqui no Passageiro de Primeira, o Interline do TudoAzul voltou a funcionar, permitindo o resgate online de passagens para voar nas companhias aéreas parceiras, o que é uma boa notícia para quem é usuário do programa de fidelidade da Azul. Por isso, aproveitaremos para mostrar um resgate para a América do Norte, cujas disponibilidades andam raras, desde os anúncios dessas reaberturas de Estados Unidos e Canadá. Assim, o que temos no cardápio hoje é: Resgates de Primeira – Passagem de São Paulo para Toronto, na Classe Executiva da Air Canada, usando pontos do programa TudoAzul.

pular para…

  1. O Resgate de Primeira
  2. Quanto custa essa emissão?
  3. Como fazer essa emissão?
  4. Como otimizar essa emissão?
  5. Quais companhias posso voar?
  6. Fatores a considerar
  7. Comentário

O Resgate de Primeira

Rota: São Paulo – Toronto (Canadá)
Programa: TudoAzul (Azul Linhas Aéreas)

Para quem não vem acompanhando, nas primeiras duas fases da série Resgates de Primeira, mostramos ótimos resgates para voar em Classe Executiva para todos os continentes. Na terceira fase, mostramos Resgates de Primeira para voar em Primeira Classe, item cada da vez mais raro no mundo da aviação, especialmente para viajar utilizando milhas e pontos.

Nessa última, voltamos a mostrar o resgate de viagens em Classe Executiva que apresentem custo x benefício acima da média, ou tenha alguma característica especial. Por isso, hoje aproveitamos que o Interline do TudoAzul voltou a operar, para mostrar uma viagem de São Paulo para Toronto, voando na excelente Classe Executiva da Air Canada, eleita a melhor cabine de Classe Executiva das Americas, tirando proveito da não cobrança de Taxa de Combustível (YQ), nos resgates partindo do Brasil, pelo TudoAzul (o que não acontece com o TAP Miles&Go, por exemplo, que cobra mesmo nos voos iniciados aqui).

Não é segredo que esse resgate não mostra o menor número de pontos/milhas para o voo (119 mil pontos TudoAzul), já que o programa TAP Miles&Go também mostra disponibilidade para a mesma data e cobra apenas 50 mil milhas. Ocorre, contudo, que nosso resgate cobra apenas 62 reais de taxas, ao passo que o programa português voltou a repassar a cobrança da indesejada Taxa de Combustível (YQ), cobrada pela Air Canada, o que eleva as taxas para mais de mil reais.

No fim, os custos ficam bem aproximados, mas com a garantia de emissão online, sem qualquer dificuldade, pela site do interline do TudoAzul.

Embora esse seja um resgate que, em tese, também deveria ser feito online no Miles&Go, as inconsistências de TI da companhia portuguesa têm tornado essa, uma árdua tarefa.

Além disso, deve ser levado em consideração que o TAP Miles&Go reduziu drasticamente os bônus e a periodicidade das campanhas de transferência dos parceiros brasileiros, ao passo que o TudoAzul continua realizando ótimas campanhas de transferência com bônus, frequentemente, além de, não raro, vender pontos com 70% ou até mais de desconto. Por isso, não temos dúvida de que o resgate pelo TudoAzul se mostra como uma excelente alternativa.

Lounge Espaço Safra no Aeroporto Internacional de Guarulhos

Como sempre fazemos no quadro, mostramos, ainda que rapidamente, os lounges que você pode acessar, viajando em cabines premium. Nesse caso, embora a Star Alliance tenha formalmente encerrado as atividades do seu bom Star Alliance Lounge em Guarulhos, o mesmo foi assumido pelo Banco Safra, que manteve, basicamente, a mesma estrutura do lounge. Estive lá em junho e vi pouca mudança estrutural.

Acaso opte por apanhar esse voo no sentido inverso, ou mesmo que siga para outro destino no Canadá ou Estados Unidos, conectando em Montreal, terá acesso ao excelente Air Canada Maple Leaf Lounge de Montreal. Para evitar informações repetidas, pedimos a gentileza de acessar o review da Sala Vip que Fábio Vilela fez em janeiro de 2020.


Quanto custa essa emissão?

O Interline do TudoAzul não usa tabela fixa para emissões com parceiros, como mostramos aqui em 2019.

Apesar disso, tem mantido uma aparente coerência de valores nos resgates entre regiões, quando há disponibilidade award. Tanto é assim, que entre Brasil e qualquer destino no Canadá ou Estados Unidos, os valores têm sido praticamente os mesmos. Evidentemente que estamos nos referindo às datas em que estão disponíveis resgates award. Nos bilhetes comerciais, que são os oferecidos nos voos com a Avianca Internacional, United  e na própria Air Canada, quando indisponível bilhete award, os valores são muito maiores e flutuam conforme os preços das passagens pagantes.

Como já falamos aqui, não esqueça que garimpando bem, há ótimas oportunidades de resgates no TudoAzul para voar entre algumas regiões, como nos resgates como já mostramos aqui no quadro Resgates de Primeira.

No voo que estamos mostrando, o TudoAzul cobra 119.000 pontos, o que é bem razoável, considerando a alta qualidade do produto e a baixa disponibilidade de vagas award para voar na Classe Executiva da Air Canada, além da ausência de taxa de combustivel e a facilidade de emissão do bilhete.


Como fazer essa emissão?

  • Encontrando disponibilidade

Como sabemos, embora possa ser feito pelo call-center, esse resgate é mostrado on-line nas pesquisas pelo site da Azul Internacional, (também conhecido como Interline), que finalmente voltou a funcionar essa semana! \o/

  • Realizando a emissão

Realizada a pesquisa e encontrado o resultado, basta selecionar o voo, preencher os dados do passageiro e conferir os detalhes do resgate. Feito isso, o último passo é apenas preencher os dados de pagamento e finalizar o resgate.


Como otimizar essa emissão?

Essa é mais uma ótima emissão, mas para tirar o proveito devido, é necessário aproveitar o empilhamento de algumas oportunidades, o que nossos paranauês daqui do PP te ajudam a realizar. Um bom exemplo foi a excelente promoção de compra bonificada do TudoAzul com Ponto (Frio), em que eram concedidos até 18 pontos por real.

Naquela promoção, ao comprar cerca de R$ 6.600,00 em produtos, geraria pontos suficientes para esse resgate, que custa mais que o quádruplo desse valor, na modalidade pagante.

  • Gerando milhas por um custo reduzido

Nos últimos anos, não têm sido raras as oportunidades de gerar pontos TudoAzul por 21 reais o milheiro, através de algumas promoções de venda de pontos com 70% de desconto. E esse valor pode ficar ainda menor, acaso pague a operação com um cartão de crédito co-branded Azul Itaucard, que dá 10% de desconto em todas as compras de produtos e serviços na Azul Linhas Aéreas, TudoAzul e Azul Viagens. Aliás, quem aproveitou a campanha de venda de pontos com 80% que anunciamos aqui, gerou pontos TudoAzul a 14 reais o bloco de mil, reduzindo demais o custo dessa emissão.

Mesmo no patamar de 21 reais para o bloco de mil pontos (sem os 10% de desconto do cartão co-branded), essa emissão apresentaria um valor extremamente competitivo, pois os 119.000 pontos TudoAzul custariam apenas R$ 2.499,00.

  • Transferência com bônus

Com alguma frequência, o TudoAzul tem feito promoções de transferência bonificada de parceiros bancários com até 100% de bônus.

Para referenciamento de valores, tomemos como base as transferências bonificadas da Livelo com 100%, já que o programa vende o milheiro a 42 reais (com desconto de 40% para quem é assinante do clube). Nesse quadro, o custo dos pontos TudoAzul fica no mesmo valor de R$ 21, o bloco de mil.

  • Diferença para a tarifa comercial

Quando comparamos o custo desse bilhete award, com o valor da passagem pagante, podemos constatar quão vantajoso é esse Resgate de Primeira:

Layout de imagem da nova versão do site Ita Matrix

O valor da passagem pagante é de R$12.974 (afora taxas), o que mostra como é bem vantajoso o uso dos 119.000 pontos TudoAzul. Não é difícil notar que o custo em pontos, com o empilhamento das promoções, está inferior a 20% do custo pagante, no melhor dos cenários, inclusive porque não está sendo cobrada a pesada taxa YQ.


Quais companhias posso voar?

  • Parceiros bilaterais TudoAzul

Apesar da Interline do TudoAzul estar emitindo outros parceiros internacionais para a rota, dentre os quais a Avianca Internacional e a United, em ampla pesquisa realizada, encontramos apenas passagens comerciais – conversão do valor pagante em milhas/pontos – o que torna o valor absolutamente inviável. Ademais, a Air Canada tem o título de mehor companhia aérea das américas, como mostramos aqui, o que é segurança de voar numa Classe Executiva de alto padrão, sem a loteria de pegar ou não uma cabine retrofitada.

Apesar de considerarmos que haveria margem para o TudoAzul tarifar a rota com uma pontuação melhor, é inegável que é um resgate muito razoável, pela conjunção dos fatores que mencionamos ao longo desse post.


Fatores a considerar

  • Precificação dinâmica: embora os resgates com a interline do TudoAzul estejam, aparentemente, mantendo uma tabela “extraoficial”, o programa divulgou há mais de dois anos que esses resgates seriam dinâmicos, de modo que não temos garantia de que, no futuro, isso não seja efetivamente implantado;
  • Maple Leaf Lounge de Montreal aberto: o bom lounge da Air Canada no Aeroporto Internacional já está aberto e operacional. Acaso opte por um voo com conexão, ou faça a rota invertida, poderá usufruir dessa ótima sala VIP. Partindo de São Paulo, como dissemos, poderá usar o Espaço Safra, que também está com operação regular;
  • Pontuação razoável para os padrões do TudoAzul: apesar do TudoAzul não ser conhecido por oferecer bons resgates com parceiros em seu interline, consideramos esse um dos bons resgates do programa, sobretudo porque não incide a indefesa taxa de combustível. E é preciso reconhecer que o programa tem outros resgates bem interessantes, como mostramos aqui na série, como com a Turkish, em rotas específicas. Garimpando, há alguns outros achados de valor.

Comentário

Esse é mais um bom exemplo das dezenas de boas oportunidades de emissões que temos a explorar no nosso microcosmos de milhas e pontos, como falamos no post inicial dessa série semanal.

Nessa matéria, trouxemos uma boa oportunidade de voar com a Air Canada, uma companhia que mantém um dos melhores serviços das américas, aproveitando que o Interline voltou a funcionar, como mostramos aqui no PP.

Como falamos nos posts anteriores dessa fase, acaso queira ver alguma rota/voo que tenha interesse/curiosidade, favor informar nos comentários, que poderemos tentar encaixar nas próximas publicações.

Lembre que nessa série, optamos por abordar apenas uma boa emissão por semana, mas oferecendo todas as informações que você precisa saber para tirar proveito da oportunidade, inclusive todos os pros e contras que se aplicam a essa emissão.

Esse, sem dúvida, é mais um dos bons resgates do nosso universo de milhas e pontos.

E você, já conseguiu aproveitar essa excelente emissão do TudoAzul?

☞ confira os últimos resgates publicados:

Seguro Viagem
Seguro Viagem
Ganhe 10% de desconto na contratação do seu seguro!
Hotéis
Hotéis
5% de desconto + selos no Rewards em estadias até 31 de março de 2023!
Cartão BTG Pactual Black
Cartão BTG Pactual Black
Ganhe cashback ou pontos e IOF Especial!
Gerencie suas Milhas
Gerencie suas Milhas
6 meses grátis do AwardWallet Plus para novos usuários!
Clube 1.000
Clube 1.000
Receba 1.000 milhas por mês + 7.000 milhas bônus na hora!
Ver todos os cupons

Baixe o app do Passageiro de Primeira

google-play
app-store

O maior portal de programas de fidelidade do Brasil.
Tudo sobre milhas e pontos, voos e salas VIP, hotéis e lazer, cartão de crédito e promoções.